Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
Brasil

Brasil repete placar da estreia e fica perto das semis no Torneio de Toulon

quarta-feira, 05/06/2019, 16:40 - Atualizado em 05/06/2019, 16:40 - Autor:


A Seleção Olímpica do Brasil deu mais um passo, nesta quarta-feira, rumo às semifinais do Torneio Maurice Revello, o antigo Torneio de Toulon, na França. A equipe comandada por André Jardine entrou em campo contra a seleção da casa, às 14h30 (de Brasília), e com a vitória por 4 a 0, praticamente garantiram a vaga na próxima fase.

Os gols do Brasil foram quase todos marcados por jogadores que atuam em equipes brasileiras. No primeiro tempo, o garoto Antony, do São Paulo, abriu o placar para a seleção canarinho. Na etapa final, o meia Matheus Henrique, do Grêmio, marcou um golaço para ampliar. Matheus Cunha, que atua pelo Red Bull Leipzig, fez o terceiro de pênalti e Matheus Vital, jogador do Corinthians, fechou a goleada.

Com o resultado, o Brasil se aproximou da próxima fase e agora lidera o Grupo B com seis pontos. Na primeira rodada, os comandados de André Jardine bateram a Guatemala também por 4 a 0. Um empate na próxima rodada garante a seleção nas semifinais do torneio.

O jogo – A partida começou um pouco amarrado contra os franceses. O Brasil até tomava as ações do jogo, mas tinha dificuldade no último passe e nas finalizações. A espera pelo gol, entretanto, não foi muito demorada.

Aos 20 minutos, Antony recebeu passe de Tabata pelo lado esquerdo da área, fintou o marcador com um corte para o meio e bateu com categoria no cantinho. A bola foi rasteira e entrou de mansinho para abrir o marcador à favor da Seleção Brasileira.

O Brasil mantinha a posse de bola e ficava a maior parte do tempo no ataque, mesmo com a vantagem no placar. A França, porém, levava perigo nos contra-ataques e quase empatou o jogo em duas oportunidades. Na primeira, aos 25, Guessand cabeceou e a bola passou à direita do gol de Lucas Perri. Depois, aos 35, o zagueiro Murilo fez o corte antes da finalização de Benkhedim.

Na volta para a etapa final, o Brasil ampliou o marcador logo aos 11 minutos para deixar a partida ainda mais confortável. E foi um golaço. O meia Matheus Henrique recebeu passe de Emerson dentro da área, limpou a marcação e bateu de canhota no ângulo.

O Brasil seguiu em cima, controlando o jogo e dessa vez não cedeu nenhum contra-ataque perigoso para os franceses. Ainda teve tempo de Matheus Cunha ampliar de pênalti, aos 43, e Matheus Vital fechar a goleada aos 45, repetindo o placar do primeiro jogo.

Guatemala vence Catar

No outro jogo do grupo, a Guatemala bateu o Catar por 2 a 0 e se manteve vivo na competição. Os dois gols foram marcados no segundo tempo. Reyes, de pênalti, abriu o placar aos três minutos e José Castellanos fechou a vitória aos 43.

No sábado, às 12h30, o Brasil encara o já eliminado Catar e pode confirmar a vaga nas semifinais com 100% de aproveitamento. Mais cedo, às 10h, França e Guatemala se enfrentam na tentativa de ser o melhor segundo colocado, sonhando com a vaga na próxima fase.

O Brasil lidera com seis pontos, enquanto França e Guatemala vêm em seguida, empatados com três. Ambos têm campanhas idênticas nos critérios de desempate. Já o Catar segura a lanterna, sem nenhum ponto somado depois das duas derrotas.

Fonte: Gazeta Esportiva

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS