Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

Esporte Pará

Foco na missão: Remo pega o Serra com vários objetivos em mente

quarta-feira, 13/02/2019, 08:09 - Atualizado em 13/02/2019, 08:12 - Autor:


Sequência de vitórias, inspiração para o grupo e comissão técnica, moral pré-clássico e dinheiro no caixa. Hoje à noite, a partir das 19h30 (horário de Belém), o Clube do Remo irá colocar vários fatores na balança para a sua partida de estreia na Copa do Brasil 2019, diante do Serra-ES, no estádio Robertão, na cidade de Serra, região metropolitana de Vitória, no Espírito Santo. O Leão joga por um empate para avançar de fase frente ao seu primeiro rival fora do Pará nesta temporada. Para alguns, os azulinos são favoritos para o duelo, no entanto, conforme o retrospecto de zebras no torneio nacional deste ano, a equipe precisará ser mais incisiva e efetiva coletivamente para garantir, sem sustos, a classificação e manter o começo positivo de ano que construiu até então.


Além do contraste entre os times, já que o Leão segue 100%, enquanto que o tricolor serrano ainda está bambo das pernas, tropeçando, inclusive, dentro de casa, os remistas possuem certa soberania diante de equipes capixabas. Ao todo, foram cinco compromissos com agremiações da localidade, com quatro vitórias e uma única derrota. A bronca é que o revés foi justamente para o Coral, em 2000, por 5 a 2. Como tem sido em praticamente todas as suas partidas, essa será mais uma meta a ser batida pelo Remo em apenas dois meses do ano.


Dessa maneira, o treinador João Nasser Neto deverá priorizar dois pontos importantes na hora da formatação da onzena para neutralizar o adversário: a estatura e a disposição com a saída de bola do setor defensivo para o ataque, pois os rivais trabalham em função do centroavante e em jogadas aéreas. Assim, Robson e Diogo Sodré deverão retornar à titularidade no meio-campo, assim como Echeverría e Gustavo, mais avançados. Contudo, independentemente de como entrar em campo, Netão, novamente, foi taxativo quanto à importância do jogo. “É o jogo do ano para o Remo. A gente tem que estar preparado para tudo. Estudamos bem eles e isso permitiu a gente se preparar para adaptar com os estilos de jogo que eles podem colocar contra a gente. O padrão de jogo é o mesmo e a gente espera fazer uma boa partida antes de tudo”, explicou. “É um jogo único para nós. É vencer ou vencer, por isso precisamos estar com pegada e mirar em mais uma vitória para manter o ambiente do jeito que tá”, disse o atacante Gustavo Ramos, uma das esperanças de gol.


Vinicius e Mimica



Dupla quer repetir experiência da última temporada Se Vinícius fechar o gol, o Leão se classifica hoje


BAGAGEM


Ano passado, quando o Leão voltou a se classificar para a segunda fase da Copa do Brasil após um hiato de oito anos, daquele grupo que quebrou o jejum, somente dois jogadores continuam no plantel atual: o goleiro Vinícius e o zagueiro Mimica, ambos defensores e com crédito de sobra com a comissão técnica e torcida remista para ajudar a nova formatação azulina a conquistar um novo feito.


Conscientes do que a classificação significa para todos da agremiação e até mesmo por isso com a pressão por uma vitória, os profissionais destacaram segurança e confiança para entrar em campo bem e repassar esse sentimento aos companheiros. “No Remo, cada jogo é uma batalha e que a gente precisa sempre se dedicar ao extremo para vencer. Por render um bom valor financeiro e nos deixar fortes para outros jogos, o objetivo é o mesmo. O grupo está unido, focado, conversamos entre a gente. Vamos jogar para vencer mais uma partida”, disse o arqueiro.


Mimica, que terá a missão de impedir que o camisa 1 não tenha tanto trabalho nesta noite, enfatizou ao apontar o trabalho coletivo como precursor na elaboração de um placar favorável. “Não é só atrás, lá na frente também todos estão focados em marcar para sair jogando. Cada um sabe do seu papel, responsabilidade. Trabalhar bem a bola para buscar um gol e definir a partida”, comentou.


(Matheus Miranda/Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS