Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

Esporte Pará

O que fazer para evitar mortes súbitas enquanto joga futebol no fim de semana

quarta-feira, 30/01/2019, 17:17 - Atualizado em 30/01/2019, 18:00 - Autor:


A morte do jogador Marcelo “Pato Roco”, no último domingo (27), levantou a discussão sobre as condições de saúde para quem joga aquela pelada do fim de semana. O jogador veio a óbito após sofrer um infarto enquanto jogava bola, em Ananindeua.


A discussão sobre condições físicas adequadas e esporte veio após a morte do jogador Serginho, do São Caetano-SP, em 2003. No futebol profissional, os times realizam exames cardiológicos, mas isso também deve ser prioridade para quem tem o hábito de jogar futebol com frequência.


“Toda pessoa que for fazer atividade física e se tiver fatores de risco como colesterol, obesidade, tabagismo, hipertensão e outros tem que fazer avaliação cardiológica antes, principalmente quem tem acima de 35 anos e que possui histórico familiar. Existe a questão de energéticos e que podem provocar ritmia, o que é perigoso seu uso e pode causar infarto e arritmia cardíaca”, diz o cardiologista Henrique Custódio.


Segundo ele, quem joga pelada no fim de semana faça atividade física. “Na maioria dos casos, o peladeiro de fim de semana realiza atividades físicas intensas e isso também contribui para arritmia cardíaca e até morte súbita”.


“O ideal é que os peladeiros façam uma atividade física no mínimo três vezes por semana e isso ajuda não somente na prática do esporte, mas na qualidade de vida”, completou o cardiologista.


  • E MAIS: Quer comprar material esportivo mais barato? Clique Aqui


(Diego Beckman/DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS