Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
COPA DO BRASIL E PARAZÃO

Sem tempo a perder, dupla Re-Pa foca nos próximos 

Remo e Paysandu já voltam a campo nesta semana pelo Parazão. E a Copa do Brasil é logo ali...

segunda-feira, 05/04/2021, 09:34 - Atualizado em 05/04/2021, 09:34 - Autor: Tylon Maués/ Diário do Pará


Os rivais não têm tempo a perder
Os rivais não têm tempo a perder | Wagner Santana/ Diário do Pará

Na reapresentação de hoje, do lado bicolor vai se juntar os cacos, do azulino haverá a tentativa de frear qualquer entusiasmo. As duas equipes estão em situação ainda muito confortáveis no Campeonato Paraense. O Remo é o líder geral da competição com 100% de aproveitamento, com doze pontos, sete a mais que o segundo colocado no Grupo B, a Tuna Luso. Já o Paysandu lidera o Grupo A com sete pontos, com o Bragantino vindo logo atrás com cinco.

Os dois rivais voltam a campo já nesta semana, em jogos válidos pela quinta rodada do Parazão. O Remo joga na quinta-feira, dia 8, quando receberá o Independente a partir das 17h, no Baenão. Já Paysandu entra em campo no dia seguinte, mais uma vez na Curuzu e em mais um clássico, dessa vez contra a Tuna Luso, também às 17h.

Além da competição estadual, a dupla Re-Pa também está com as atenções voltadas para a Copa do Brasil. Classificados para a segunda fase, os dois terão seus compromissos no mesmo dia, na semana que vem, dia 13, uma terça-feira, contra adversários do mesmo estado, ambos alagoanos. O Leão Azul vai a Maceió (AL) para encarar o CSA-AL no estádio Rei Pelé, às 21h30. Mais cedo, às 19h, o Paysandu recebe o CRB-AL, na Curuzu. Não há vantagem para nenhum dos lados nessa fase. Se houver empate, o classificado será conhecido nas penalidades.

No Papão, o foco está em saber qual será o esquema tático será utilizado pelo técnico Itamar Schülle, que fez mudanças bastante criticadas pela torcida no Re-Pa e, quando voltou atrás e mexeu no time, já foi tarde demais. No Leão, Paulo Bonamigo tem o time na mão e deve analisar com mais calma a entrada do centroavante Edson Cariús, que estreou no clássico, já que o trio de ataque tem mostrado força, com Dioguinho, Lucas Tocantins e Rene Gorne. A zaga, por sua vez, precisa de atenção, já que falhou durante o jogo e segue deixando a torcida azulina com a pulga atrás da orelha.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS