Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
COM O PÉ DIREITO

Volante azulino espera uma estreia em grande estilo

Uchôa quer o Leão começando com tudo no Parazão

sexta-feira, 26/02/2021, 11:09 - Atualizado em 26/02/2021, 11:08 - Autor: Matheus Miranda/ Diário do Pará


Jogo do Parazão será estreia do volante coma camisa azulina
Jogo do Parazão será estreia do volante coma camisa azulina | Divulgação/ Clube do Remo

Uma das primeiras contratações do Clube do Remo para esta temporada, que foi concretizada de forma polêmica, já que seu último clube foi o Paysandu, o volante Anderson Uchôa deve aparecer no Boletim Informativo Diário da CBF ainda hoje para poder estrear pela equipe no Campeonato Paraense. Ele destacou a vontade de defender o time azulino justamente em uma competição em que já possui experiência. O atleta falou sobre o que esperar para o Parazão 2021. “A gente sabe da dificuldade, ainda mais nesse tempo de muita chuva. Mas a gente está com um time muito forte, um elenco muito competitivo e espero que na segunda já possamos estrear com o pé direito”, relatou.

Uchôa, de antemão, almeja uma estreia de forma positiva até para quebrar o gelo com aquele torcedor mais “cabreiro” pelo passado recente do jogador. “A expectativa é a melhor, estrear com vitória, e eu podendo fazer o meu melhor futebol, o que sei fazer, e com vitória”, destacou. “Gosto muito de chutar no gol, fiz alguns gols na temporada 2019 e 20, mas a minha característica é ser primeiro volante. Gosto de fazer as jogadas ali de trás, fazer o time jogar. Sou mais marcador, mas gosto muito de jogar com a bola nos pés”, afirmou.

A competição vai marcar o começo da nova temporada azulina em meio a reformulações no plantel de jogadores após uma sequência de jogos entre a Série C e a Copa Verde. O técnico Paulo Bonamigo abordou o fator físico do grupo. “O desgaste existe porque esse grupo vem de uma Série C de alta intensidade, de cumprimento de objetivo com o acesso. Já trocar a chave e pensar no Estadual, sem tempo de fazer uma preparação adequada. Temos que nos ajustar dentro da própria competição. Essa é a grande “penalidade” que vamos ter, no sentido de ter ido tão longe em uma Copa e não ter tido tempo para se preparar para o Estadual”, adianta o comandante.

A readaptação e readequação do time, que contará com a chegada em breve de novos jogadores, precisarão ser intensas já que, no ponto de vista de Paulo Bonamigo, o Estadual será de alto nível, algo positivo encarado pelo treinador. “Esperamos que seja competitivo, forte, porque quanto mais competitivo, ajuda na preparação para as competições nacionais, e nós temos uma Série B”, aponta. “Vamos começar, a partir de sexta-feira, a ter essa organização”, destaca o comandante.


Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS