Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

BOM APROVEITAMENTO

Artilheiro, atacante Marlon tem contrato renovado no Paysandu

Papão deixou a Copa Verde de lado e deu férias a alguns jogadores - Bruno Collaço e Nicolas entre eles -, preparando o time para a nova temporada

quarta-feira, 10/02/2021, 09:08 - Atualizado em 10/02/2021, 09:44 - Autor: Tylon Maués


Atacante comemorou e disse que renovação foi um reconhecimento pelo seu trabalho
Atacante comemorou e disse que renovação foi um reconhecimento pelo seu trabalho | Jorge Luiz/Paysandu

O Paysandu anunciou no início da noite de ontem a renovação de contrato do atacante Marlon por mais quatro temporadas. Autor de cinco gols em doze jogos com a camisa bicolor, o jogador acertou vínculo com o clube até 31 de dezembro de 2024. O Papão oficializou junto ao Porto-PE a compra de parte dos direitos econômicos do atleta e adquiriu 100% dos seus direitos federativos.

“Estou muito feliz em poder assinar com o Paysandu. Meu trabalho foi reconhecido e estou confiante em uma boa temporada, em render bem mais do que consegui e ajudar o time a chegar ao acesso. Estou aqui há pouco tempo, mas me adaptei rápido ao clube, gostei da cidade e sempre fui muito bem tratado”, comemorou Marlon, em anúncio feito pelo clube.

A chegada do jogador à Curuzu foi fulgurante, com quatro gols nos três primeiros jogos. No entanto, aos poucos as atuações caíram de rendimento e Marlon perdeu espaço no time, indo para o banco de reservas. O quinto gol foi marcado no domingo passado, na derrota de 2 a 1 para o Manaus-AM, pela Copa Verde.

Remo decide semifinal contra o Manaus jogando em casa

O jogador tinha contrato até o dia 30 de junho e a rescisão do empréstimo deve ser publicada no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda hoje. Dessa forma, ele voltará de forma automática ao Porto-PE, que por vez vai rescindir o contrato definitivo que mantém com ele e, posteriormente, o novo contrato de Marlon com o Paysandu também será postado na página da entidade.

Com o novo contrato, o Paysandu passa a ter o direito de negociar a qualquer momento o percentual de direitos econômicos do jogador. Para se resguardarem no processo, anteriormente Porto-PE, Paysandu e Marlon haviam assinado previamente um contrato que os obrigava a realizar todos os passos do processo, com o descumprimento prevendo multa de, no mínimo, R$ 1 milhão a quem não seguisse o que havia sido acordado.

FOCO NA SÉRIE B

Presidente bicolor defende planejamento do clube

Após a desclassificação da Copa Verde, com a derrota de 2 a 1 para o Manaus-AM, no último domingo, em casa, parte da torcida bicolor reclamou da ausência dos três jogadores que entraram de férias dois dias antes da partida. Na sexta-feira, o zagueiro Perema, o lateral-esquerdo Bruno Collaço e o atacante Nicolas foram liberados e fizeram falta em campo. Ontem, em um vídeo compartilhado nas redes sociais, o presidente do Paysandu, Maurício Ettinger, voltou a tratar do assunto.

Ele confirmou as explicações que foram dadas pela comissão técnica e pelo departamento de saúde na ocasião, de que os jogadores precisavam desse tempo de descanso, além de ser uma obrigação por lei. “A fisiologia apontou que eles (Perema, Bruno e Nicolas) estavam com alto grau de cansaço, risco de lesão. O RH também falou que eles estavam 14 meses sem férias”, disse.

O dirigente também reiterou algo que já havia sido deixado claro pelo clube, que pela primeira vez se posicionou oficialmente sobre qual a prioridade da temporada - o Campeonato Brasileiro. “Eu tinha duas opções: deixar pro Campeonato Paraense ou dar férias agora. A nossa prioridade é a temporada de 2021, não que a Copa Verde não fosse um campeonato bom, embora não tivesse nada de receita, de quota, só quem ganhar vai pra terceira fase da Copa do Brasil. Então, a gente optou pelas férias agora pra que eles voltassem pra compor com o pessoal que está chegando pra fazer a pré-temporada”.

O presidente bicolor comentou também sobre a montagem do elenco, que ontem teve a renovação do contrato do atacante Marlon. Ao mesmo tempo em que elogiou a primeira contratação até aqui, a do goleiro Victor Souza, ele traçou o perfil dos jogadores que estão sendo procurados pelo clube. “Fizemos a contratação de um goleiro, um grande anseio da torcida, um desejo de toda diretoria. Acredito que foi uma contratação boa, com muito critério, ouvindo opiniões, diretores, pessoal de fora, de dentro do futebol em todo país”, afirmou. “Estamos continuando as contratações com muito critério, dentro de um orçamento previsto, com pé no chão, sabendo o que a gente pode pagar ou não. Essas contratações vão levar o Paysandu pro lugar que ele realmente merece”, completou Ettinger.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS