Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
31°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

TÁ CHEGANDO A HORA

Técnico do Remo espera 'grande equilíbrio' no Re-Pa decisivo da Série C

Paulo Bonamigo está próximo de disputar o seu 13º Re-Pa e sabe do que precisa para vencer

quinta-feira, 07/01/2021, 17:05 - Atualizado em 07/01/2021, 17:05 - Autor: Diego Beckman


| Samara Miranda / Remo

A poucos dias de um clássico decisivo que pode valer o acesso para a Série B, o clima no Baenão é de incentivo e apoio aos jogadores remistas, que buscam dar alegria ao Fenômeno Azul justamente com uma vitória em cima do Paysandu.

Para o técnico Paulo Bonamigo, o time remista precisa ter um conjunto de fatores em sintonia para buscar a vitória no clássico deste domingo (10), pelo Campeonato Brasileiro da Série C.

E MAIS: 'Causa estranheza', diz presidente remista sobre filmagem bicolor

“Bastante equilíbrio, organização, motivação para não ter o excesso de vontade e isso as vezes passa os limites que ocorrem problemas como expulsão, erro desnecessário. São 90 minutos de uma partida de futebol que tem uma responsabilidade e intensidade grandes”, afirma.

Bonamigo vai para o seu 13º Re-Pa e quando se trata do Superclássico da Amazônia, o treinador relembra a sua primeira passagem pelo clube remista, quando em 2000 garantiu o Remo na fase final da Copa João Havelange, ao eliminar o Paysandu, no então Módulo Amarelo.

 

 

Apesar deste fato, o treinador destaca a intensidade que gira o clássico, sem esquecer que os dois times possuem as melhores campanhas entre os oito clubes participantes do quadrangular.

“Foco, determinação, vontade e merecimento porque ninguém chega ao acesso sem ter méritos. Remo e Paysandu são duas equipes que cresceram e tem as melhores pontuações dos dois quadrangulares e isso torna o clássico de grande equilíbrio. Vamos motivar nossa equipe para vencer”

“Muita rivalidade, tradição na região norte do Brasil, times com torcidas fanáticas e apaixonadas pelos clubes. Para o técnico, o clássico tem um peso grande, mas acima de tudo temos que ter atenção nos detalhes. Motivacional, vontade com inteligência”, completa.

Paysandu X Remo jogam no domingo (10), às 18h, no Mangueirão, com transmissão do portal DOL.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS