Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

12ª RODADA

Bragantino enfrenta o Fast Clube para defender a liderança

Bragantino duela com o Fast Clube-AM na luta para somar mais três pontos e se distanciar dos rivais no topo do Grupo 1. Partida será às 16h, na casa adversária, a Arena da Amazônia

sábado, 14/11/2020, 08:26 - Atualizado em 14/11/2020, 09:03 - Autor: Nildo Lima


Jogo do Braga terá transmissão pela mycujoo.tv
Jogo do Braga terá transmissão pela mycujoo.tv | Marcelle Pires/Decom

Líder isolado do Grupo A 1 da Série D do Brasileiro, com 21 pontos, o Bragantino tenta, hoje, se manter na posição privilegiada da competição, garantindo, ao mesmo tempo, sua participação na segunda etapa do campeonato. O Tubarão enfrenta o Fast Clube-AM, a partir das 16h, na Arena da Amazônia, em Manaus, pela 12ª rodada da disputa. O adversário do representante paraense vem de uma derrota frente ao Independente (1 a 0), o outro representante do Pará na Série D, em Tucuruí, e, portanto, busca a sua reabilitação jogando em seus domínios. A equipe manauara ocupa a 3ª colocação na chave, com 19 pontos.

O Fast tem nas mãos a chance de assumir a ponta da classificação do Grupo A1, desde que derrote o Braga e, ainda, tenha de torcer por tropeços do Galvez-AC e Rio Branco-AC, diante do Vilhena-RO e Atlético-AC, respectivamente. O Tubarão viajou para Manaus com a promessa de se redimir das atuações que teve contra o Independente (2 a 3) e Jí-Paraná (0 a 0), o primeiro jogo em Tucuruí e o segundo em Bragança. Apesar de insatisfeito com os últimos resultados de sua equipe, o técnico Cacaio afirma confiar na recuperação do grupo que comanda.

Remo perde para o Santa Cruz e deixa escapar classificação antecipada

“Temos força para essa volta por cima”, declarou o treinador, antes do time tricolor deixar a Pérola do Caeté. O Braga viajou sem dois desfalques, um deles, o lateral-direito Serafim, que seria o reserva de Bruno Limão. Já para o lugar de Celson, assim como Serafim, lesionado, Cacaio conta com as opções de Gabriel, Romário e Igor João, com um deles devendo ficar na suplência. A partida será comandada pelo árbitro alagoano Helder Brasileiro de Aquino.

Pinheirense mete 3 no União-Pa

A bola voltou a rolar, ontem, pela Segunda Divisão do Parazão. A programação de cinco partidas começou pela manhã com o empate, por 1 a 1, no confronto entre Sport Real e Vila Rica, pelo Grupo A3. No período da tarde, Gavião Kyikateje e Atlético Paraense ficaram no empate por 1 a 1, em Marabá, enquanto no Ceju, o São Francisco aplicou 2 a 0 sobre o Paraense, pelos Grupos A1 e A3, respectivamente.

Mais dois jogos completaram a programação do dia do campeonato. Ambas as partidas valendo pela 3ª rodada. No estádio Abelardo Conduru, em Icoaraci, o Pinheirense meteu 3 a 0 no União Paraense pelo Grupo A2. Pela mesma chave, só que em Bragança, o Caeté, do técnico Arthur Oliveira, voltou a fazer mais uma vítima: o Pedreira, que se rendeu ao time bragantino, caindo por 2 a 0.

Meia-atacante Marlon é o novo contratado do Paysandu

O final de semana será de folga para as equipes envolvidas na Segunda Divisão. A competição só volta a ser movimentada na segunda-feira (16), quando São Raimundo e Tiradentes e Fonte Nova e Santa Rosa estarão em campo, em jogos valendo pela 3ª rodada no Grupo A4 do campeonato que garante ao campeão e vice vaga na Série A do Parazão 2021. (N.L)

Independente perde e se complica na Segundona

Depois de uma sequência de seis jogos sem derrota na Série D do Brasileiro, todos sob o comando do técnico Carlos Rocha, ontem à tarde, no Biancão, em Ji-Paraná (RO), diante do adversário homônimo, o Independente caiu por 1 a 0 e viu sua invencibilidade na temporada acabar, resultado que deixou a equipe de Tucuruí bem mais distante da classificação à segunda fase do campeonato. O Galo volta a campo no próximo sábado (21), quando enfrentará o Galvez-AC, em Rio Branco (AC).

O primeiro tempo terminou com o placar em branco, embora as equipes tenham se esforçado para chegar à vitória. No segundo tempo, aos 36 minutos, num vacilo de sua defesa, a equipe paraense sofreu o único gol do encontro. Maranhão invadiu a área e bateu para a defesa parcial do goleiro. No rebote, Vitinho bateu certeiro, garantindo o resultado para a equipe da casa.

Com o triunfo, o Ji-Paraná chegou a 12 pontos, enquanto o Independente manteve os 14 pontos e, agora, sem grandes chances de avançar no campeonato, dependendo de outros resultados do Grupo A1. (N.L.)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS