Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

ENTROU E RESOLVEU

Com moral! Remo comprova que o prata da casa tem seu valor

“Por ser da casa, da terra, a gente sabe a grandeza do clube e, quando entra, é raça, amor para defender as cores do Remo”, Wallace, atacante

quarta-feira, 30/09/2020, 11:24 - Atualizado em 30/09/2020, 12:04 - Autor: Matheus MIranda


Wallace tem grandes chances de ser titular contra o Paysandu,
Wallace tem grandes chances de ser titular contra o Paysandu, | Samara Miranda/Remo

De um time desacreditado, com uma seca de vitórias direto para o G4 e com chances reais de encerrar o primeiro turno desta Série C do Brasileiro na liderança do seu grupo. Assim foi a reviravolta do Clube do Remo neste final de semana, antes e depois do triunfo imenso de 1 a 0 sobre o Manaus-AM, no domingo (27), em Belém. O torcedor azulino certamente está ‘tranquilão’ pela reabilitação em campo, mas não tanto quanto o atacante Wallace, de 20 anos, que foi o autor do gol que permitiu ao Leão voltar a vencer e adentrar no clima de clássico Re-Pa com confiança total.

Cria da base azul-marinho, Wallace, com o seu primeiro gol oficial pelo profissional, encerrou a má fase remista. E, por ser um valor local, o jogador sabe bem o significado de que o tento marcado representa. “É um gol muito importante pra mim, o primeiro em partidas oficiais. Por ser da casa, da terra, a gente sabe a grandeza do clube e, quando entra, é raça, amor para defender as cores do Remo”, celebrou o jogador, que chegou ao Baenão aos 15 anos e já defendeu todas as categorias de base até a sua chegada ao profissional, no ano passado.

Responsável por voltar a marcar a favor da equipe após três jogos sem o time correr para o abraço, a marca de Wallace o credenciou para ser titular contra o Paysandu, em substituição a Tcharlles, suspenso por conta do terceiro cartão amarelo levado. A escalação ainda não é certa visto que desde o retorno da paralisação do esporte, a agremiação adotou mistério na sua composição de relacionados pré-jogo.

Para o jovem, o seu feito ocorreu mesmo o time já tendo feito por merecer nas partidas passadas. “Pude entrar, corresponder, marcar o gol da vitória que veio em um momento que a gente estava precisando muito por tudo que vínhamos fazendo nos últimos jogos, jogando bem, criando, mas a bola não queria entrar. A gente pôde voltar ao G4, tirar o rival de lá e chegar bem pro Re-Pa, com mais moral e uma semana tranquila para trabalhar”, seguiu.

Na expectativa de encerrar esta primeira metade da competição com nova vitória, Wallace foi pontual ao engrossar a fala do grande objetivo do time para este ano e, por isso, a necessidade de um bom resultado nesta próxima partida azulina. “Esse é o nosso principal objetivo: poder subir o Remo. A gente se cobra bastante, todo jogo toca nisso. Faz 13 anos que o Remo não sobe para a Série B. A gente se fechou ali e tem isso como principal objetivo do ano”, detalhou.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS