Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

QUER A CHANCE!

Uilliam Barros é um forte candidato a começar o Re-Pa

sábado, 05/09/2020, 10:50 - Atualizado em 05/09/2020, 10:49 - Autor: Tylon Maués/Diário do Pará


Uilliam Barros torce para marcar mais um gol decisivo no jogo de volta da final do Parazão.
Uilliam Barros torce para marcar mais um gol decisivo no jogo de volta da final do Parazão. | Jorge Luiz/Paysandu

Na vitória do Paysandu por 2 a 1, no Re-Pa de quarta-feira (2), chamou a atenção o primeiro gol bicolor. Depois de Diego Matos cruzar na área, Netinho escorou de cabeça e Uilliam Barros dominou de costas para o gol e tentou uma bicicleta.

O gol saiu, aliás um golaço, mas o movimento não chegou a ser perfeito. Foi uma meia-bicicleta sem chances para o goleiro Vinícius. “Foi meu primeiro gol de bicicleta na carreira”, comentou Uilliam, que falou sobre os gols decisivos recentemente no Parazão.

“É um sonho fazer um gol em clássico. Eu fiquei muito feliz por esses dois jogos do Parazão e espero que possa acontecer de novo”, completou, lembrando do tento da vitória sobre o Paragominas na semifinal da competição estadual.

Antes do gol do meio de semana, o último gol de um lance parecido foi há seis anos. Em 2014 o Papão precisava vencer para manter o sonho de classificação para a segunda fase da Série C e triunfou sobre o Botafogo-PB fora de casa, no estádio Almeidão.

Aos 14 minutos do primeiro tempo, Yago Pikachu cruzou e a bola sobrou para o atacante Bruno Veiga improvisar e marcar um golaço de bicicleta. Naquela temporada, o Paysandu conseguiu o acesso para a Série B. O treinador bicolor na ocasião era Mazola Júnior.

A máxima de Dadá Maravilha é que “não existe gol feio e que feio é não marcar gols”, mas Uilliam buscou pela memória na entrevista coletiva de ontem para lembrar outro golaço na carreira. A lembrança foi de 2018, quando defendeu a Bolívia Querida na Série C daquele ano. “Marquei um gol de cabeça praticamente fora da área pelo Sampaio Corrêa-MA contra o Boa Esporte-MG, pela Série B. Peguei bem na bola e mandei ela na gaveta”.

O que o centroavante espera é uma chance de iniciar a partida deste domingo, o que ainda carece de uma confirmação do treinador. Sobre a possibilidade de voltar a marcar diante do rival azulino, Uilliam deixa no ar a possibilidade. “Marcar gols em clássico é bom, mas só com trabalho duro para chegar a mais gols”.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS