Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

JÁ PENSOU?

Ex-atacante revela que elenco bicolor cogitou entregar goleada em Re-Pa

terça-feira, 12/05/2020, 19:33 - Atualizado em 12/05/2020, 18:33 - Autor: DOL


| Mário Quadros / Arquivo

Uma das páginas mais turvas da história do Paysandu foi mexida no último domingo (10), durante o programa ‘Gastando a Bola’, pela Rádio Clube do Pará, quando um ex-jogador relatou problemas nos bastidores bicolores, que culminaram com a goleada sofrida para o Paulista-SP, por 9 a 0, pelo Campeonato Brasileiro da Série B.

Revelado pelo Remo no fim dos anos 90, o ex-atacante Balão revelou bastidores da crise bicolor que culminou com o rebaixamento para a Série C daquele ano, após o Papão ter alcançado o G4 da Segundona.

Durante entrevista concedida ao repórter setorista do clube, Dinho Menezes, o ex-jogador relatou que alguns jogadores cogitaram entregar o clássico  contra o Remo, no dia 31 de outubro, como forma de revolta após salários atrasados.

Porém, a decisão, que era praticamente certa, acabou sendo adiada pelos jogadores, que alegaram que a torcida poderia reagir de forma agressiva, em caso de derrota por goleada para o rival, que vinha em recuperação naquela altura.

Imagens: RBATV Narração: Zaire Filho
 

O ex-jogador admitiu que não entrou em campo na goleada contra o Paulista-SP após ser chamado pelo então treinador Sinomar Naves, por não concordar com a postura de alguns jogadores daquele elenco em ‘entregar’ a vitória ao adversário, de forma humilhante, o que se tornou a maior goleada da história da Segundona.

Após a goleada sofrida por 9 a 0, o Paysandu ainda venceu o Marilia-SP por 4 a 1 em casa, porém acabou sendo rebaixado para a Série C após uma combinação de resultados.

Ironia do destino ou não, Balão acabou sendo o nome do primeiro Re-Pa daquela competição, quando o Papão venceu por 2 a 0 o rival.

Imagens: RBATV Narração: Zaire Filho
 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS