Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

JOGOS LENDÁRIOS

Quarentena DOL: Remo fica entre os melhores do Brasil e elimina Denner no Mangueirão

domingo, 22/03/2020, 15:16 - Atualizado em 22/03/2020, 15:24 - Autor: Diego Beckman


O Leão que teve um dos melhores campeonatos dentre os times do Norte
O Leão que teve um dos melhores campeonatos dentre os times do Norte | Reprodução / Facebook

O mundo vai respondendo os efeitos do coronavírus e o esporte não é diferente, pois os torcedores já sentem falta do futebol no estado, no país e ao redor do planeta.

Depois de destacar a Tuna de 1984 e o Paysandu em 1994, a série “Jogos Lendários” do portal DOL, que funciona como uma quarentena a torcida paraense durante a paralisação do Campeonato Paraense irá relembrar a campanha do Remo no Campeonato Brasileiro de 1993, que foi histórica para a região norte do país.

Após conquistar o título paraense em cima do rival, o Remo fez uma bela campanha e conseguiu a classificação na última rodada, com uma vitória em cima do Santa Cruz-PE e teve o direito de disputar o play-off contra a Portuguesa-SP, por uma vaga na semifinal.

O time paulista tinha Maurício, Capitão, Paulinho Kobaysashi, Bentinho e a sensação do time, o atacante Denner, porém quem foi ao Mangueirão na tarde do dia 7 de novembro de 1993 viu um show no gramado, de um certo camisa 9.

Natural de Monte Alegre, Ageu Sabiá comandou o Remo na vitória por 5 a 2 diante de um Mangueirão lotado. A vitória colocou o Leão com boa vantagem na semifinal, em uma tarde inspirada do jogador que brigou com Edmundo pela artilharia do Brasileiro daquele ano.

VEJA O VÍDEO

 

Depois da vitória, o capitão azulino daquele time, Agnaldo relembra a batalha do Canindé, que classificou o Leão entre os oito melhores times do país.

“Após a goleada em Belém, a torcida deles colocou banda para atrapalhar o sono, teve um gol meu anulado de forma errada, tinha vela preta, cheio de óleo diesel, tudo queimado e proibiram a imprensa de entrar para registrar o momento, mas estávamos abençoados porque perdemos de 2 a 0 e saímos classificados”, relembra.

Com a proeza, o Remo avançou as semifinais do Brasileiro disputando uma vaga na final da competição com São Paulo, Palmeiras e Guarani.

Agnaldo ainda manda uma mensagem aos torcedores sobre a prevenção ao Covid-19.

A série continua nesta segunda-feira (23) e vai recordar o dia em que um técnico campeão do mundo caiu diante do Águia de Marabá dentro do Mangueirão.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS