Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

MUITO TRABALHO

Executivo azulino desembarca hoje em Belém

terça-feira, 05/11/2019, 09:19 - Atualizado em 05/11/2019, 09:28 - Autor: Matheus MIranda


Carlos Kila começa nesta terça a tratar sobre contratações para o Leão
Carlos Kila começa nesta terça a tratar sobre contratações para o Leão | Leonardo Zanin/Criciuma

A confirmação de Carlos Antônio Kila como executivo de futebol do Clube do Remo, no final de semana, de imediato, projeta o esboço para a pré-temporada do time, programada para o dia 15 de dezembro. A tendência, segundo o presidente Fábio Bentes, é que todas as contratações não onerem a futura folha salarial do futebol e que não se desperdice as vagas com jogadores de baixa qualidade. Todos esses assuntos serão alinhavados já a partir de hoje e com a presença de Kila, que ficou de desembarcar na capital paraense na madrugada desta terça-feira (5).

Remo anuncia primeira contratação para a temporada 2020

O diretor-executivo, em princípio, aproveitará a vinda a Belém para conhecer a estrutura, acomodação e um pouco mais da realidade atual da agremiação, ao passo que no decorrer das tratativas com o Leão Azul, o mesmo ainda não tinha feito essa verificação. A partir daí todos os assuntos sobre o futebol profissional serão colocados à mesa. Carlos Kila deverá ficar na cidade até o final de semana.

Em contato com a reportagem, o novo dirigente enalteceu o trabalho administrativo do Remo e disse que, tal fator, será imprescindível para o sucesso dentro das quatro linhas. “É algo a se admirar. No momento difícil, ter a consciência financeira e a organização permite ao time investir. Ter esse cuidado eleva o nome de qualquer time”, pontuou o profissional, que ainda não tem uma data de apresentação formal.

INDEFINIÇÃO

Com o diretor-executivo confirmado, agora o centro das atenções se volta à função de treinador. Contudo, ainda não houve nenhuma tratativa nesse sentido entre as partes. E, de antemão, a diretoria antecipou que, por enquanto, não há um nome forte que se destaque para assumir o grupo.

Renovação vai depender da pedida salarial

Nos próximos dias, a conversa da diretoria azulina será sobre os jogadores que poderão fazer parte do elenco do Remo para 2020. Nesse quesito, quem larga na frente são os jogadores que se destacaram pelo Leão nesta temporada, assim, aguardando um sinal de renovação ou não. Alguns nomes, por exemplo, já estão na mira, como é o caso dos zagueiros Marcão, Fredson e Mimica.

O que pode emperrar as negociações são as pedidas salariais. Isso porque alguns jogadores desejam um aumento considerável para seguir no Baenão. Em certos casos, o reajuste não é inviável, visto que os vencimentos atuais não são altos, porém, em outros, a possível insistência pode dificultar a extensão de vínculo.

“É preciso sentar e conversar para decidir o melhor. Alguns tiveram destaque e naturalmente estão procurando um reajuste. Mas não atingimos o nosso objetivo, que era subir, e isso ainda permanece no mesmo patamar. Manter o cuidado e não fazer loucuras”, disse o presidente Fábio Bentes.

Para o zagueiro Mimica, que mesmo não tendo sequência nesta temporada em virtude de uma lesão, fica o desejo de permanecer. “Passei por um longo tempo no DM me cuidando e em recuperação, e isso me afastou do campo. Mas é continuar trabalhando e focado, com a certeza de que o próximo ano vai ser melhor”, comentou.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS