Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Pará

CLÁSSICO É ASSIM!

Eudes Pedro prefere esconder a escalação azulina para semifinal da Copa Verde

sexta-feira, 04/10/2019, 08:04 - Atualizado em 04/10/2019, 09:01 - Autor: Matheus MIranda


Técnico afirma que montagem da equipe, por enquanto, só na cabeça dele
Técnico afirma que montagem da equipe, por enquanto, só na cabeça dele | Samara Miranda/Remo

Na preparação dos seus três primeiros jogos oficiais como técnico do Clube do Remo, Eudes Pedro foi transparente sobre as escalações. Em todas, com dias de antecedência, o professor adiantava a sua onzena titular, até para estimular o grupo de jogadores. Para o clássico Re-Pa decisivo deste final de semana, que irá permitir ao vencedor do duelo uma vaga à final da Copa Verde e mais um período ativo na temporada, todavia, o técnico afirma que ainda possui dúvidas na montagem do time, justamente pelo grau de importância do compromisso.

Dessa maneira, apesar da base planejada, Eudes Pedro ratificou que irá utilizar todo o tempo necessário para encontrar a melhora formatação e sistema de jogo. “Eu tenho o time pronto, na minha cabeça. Mas vamos fazer vários ensaios, porque estamos estudando bastante o primeiro jogo, onde erramos e acertamos. Vamos montar o time ainda para tentar surpreendê-los também”, comentou o treinador.

Sem citá-las previamente, as alterações na equipe azulina devem acontecer sobretudo na zona central, com a provável entrada de Zotti na vaga de Eduardo Ramos, pelo fato do atleta ter dado mais ritmo ao time. Além, disso é provável que Rony entre no lugar de Cesinha, já que o rival tentará, novamente, mostrar potencial na beirada direita, principal lacuna permeada no duelo anterior.

Questionado se outros setores poderiam ter novidades, como no caso do centroavante Higor Felix, que tem ‘brocado’ em todos os jogos-treinos, Eudes Pedro foi enfático. “Tenho dúvidas A gente faz uma estratégia de início, mas depois muda. E pode ser que a gente mude. Estamos analisando. Vamos treinar no sábado também para saber qual vai ser o melhor encaixe”, disse.

MOTIVAÇÃO

Enquanto o lado positivo do jogo deste domingo (6) será uma vaga para a disputa de um título, por outro, o negativo forçará ao perdedor férias antecipadas. Por isso, Eudes reiterou o esforço coletivo e a fé nessa época do Círio de Nazaré.

“Temos que ter uma postura melhor. Somos exigentes, nesse segundo jogo dar 110%. Aqueles 10% que faltaram no primeiro jogo não pode faltar. Você está num Re-Pa valendo final de Copa do Mundo, não é de Copa Verde, é Copa do Mundo e depois partir para o Círio. Não é justo pedir à Santa e nem a Deus a vitória, mas a gente pede discernimento para chegar lá e demonstrar toda a nossa semana de vitória”, ponderou.

FECHADO PARA LEVAR VAGA NA DECISÃO

Artilheiro do time na temporada, o atacante Gustavo Ramos (foto) foi claro ao apontar o desejo de poder levar Remo em mais uma final em 2019 (a primeira foi no Estadual) e, assim, desfrutar de mais um caneco.

Justamente por isso que o profissional reiterou a necessidade do grupo estar em um bom dia no próximo domingo. “Todos temos os nossos objetivos e claro que queremos sempre ajudar e marcar. Mas todo jogador quer isso e quem ganha é o grupo. Quem marcar, der o passe, assistência, vai ajudar o Remo e todos nós”, adiantou.

O zagueiro Marcão, na mesma pegada, priorizou para o jogo a força do coletivo. “O grupo está fechado, muito unido. Trabalhamos muito para fazer o nosso papel da melhor forma em campo. A vitória é só o que nos interessa e cada um vai fazer o seu melhor para atingir o nosso objetivo”, disse.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS