Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
OSS

Jovem de 23 anos representa o Pará em reality de Jiu-Jitsu

16 atletas faixas-pretas, sendo oito homens e oito mulheres, disputam o título do reality

sexta-feira, 23/04/2021, 21:27 - Atualizado em 23/04/2021, 23:56 - Autor: Kaio Rodrigues/DOL


Axel deve estrear na próxima sexta-feira, dia 30, contra carioca.
Axel deve estrear na próxima sexta-feira, dia 30, contra carioca. | Arquivo Pessoal

Você já ouviu falar do “The New Star”? Trata-se de um reality show organizado pelo BJJ Stars, principal evento de lutas casadas do Brasil. Nele, 16 atletas faixas-pretas, sendo oito homens e oito mulheres, são colocados em uma casa, em São Paulo, por um período de 30 dias, onde vão se enfrentando a cada semana em lutas eliminatórias.

Agora que você já sabe do que se trata, deve ficar sabendo também que o Pará tem um representante na disputa. Trata-se de Axel Roger Siqueira Silva, de 23 anos, e que faz parte da equipe Castro Team de Belém/PA. O esportista, bicampeão do circuito Norte-Nordeste, concedeu entrevista para o DOL, e falou sobre a competição.

“As expectativas são as melhores. Acredito que, além de toda competição que envolve o evento, as trocas de experiências entre os atletas e treinadores, a chance de conhecer novas culturas e fazer parte de um projeto inovador para o Jiu-Jitsu enriquece não só como atleta, mas como pessoa.”


O jovem de 23 anos ainda não lutou na competição e tem a expectativa para estrear na próxima sexta-feira, dia 30 de abril, onde, ao que tudo indica, terá que enfrentar o carioca Natan, de 22 anos. Apesar de ainda não ter estreado, Axel já tem planos para o pós-reality. Além de focar na carreira como atleta de jiu-jitsu, quer se tornar Policial Federal e diz que os estudos devem fazer parte para complementar a carreira de um atleta.

“Alguns planos não mudam, como a carreira de atleta e o sonho em ser Policial Federal. Por isso, os planos após o reality são de continuar focado nos treinos, pois temos a possibilidade, ainda este ano, de participar de muitos campeonatos. Os estudos e os treinos não competem entre si, ao contrário, se complementam. Acredito que a organização e o planejamento na vida de qualquer pessoa é a chave do seu sucesso. Portanto, em geral, o plano sempre será continuar fazendo o melhor.”

Quem pratica qualquer esporte, além do futebol, no Pará, sabe das dificuldades que se encontra para arrumar investimentos e patrocínios, o que acaba prejudicando no desenvolvimento do atleta e do próprio esporte na região. Axel falou um pouco sobre essas dificuldades enfrentadas.

“Belém é uma cidade distante do que conhecemos como o centro do país, e talvez um pouco menos reconhecida quando se trata do jiu-jitsu. Agora que nosso esporte está ganhando força. O reality show chega para aumentar a visibilidade no cenário estadual e nacional. No Pará, na região Norte, falta incentivo dos patrocinadores, oportunidades, pois nosso estado tem grandes atletas de alto nível que precisam ser apresentados pro mundo.”

Ao final do reality show, que tem seu encerramento previsto para o dia 6 de maio, os dois finalistas de cada gênero disputarão o título em um card do BJJ Stars, que também prevê o enfrentamento dos oito treinadores que participarem do ‘The New Star’.

ONDE ASSISTIR

Terças e sextas, no canal BJJ Stars Oficial, no YouTube

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS