Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Brasil

CRUEL, MUITO CRUEL

Paysandu mete seis no Imperatriz-MA e encosta no G4 da Série C

Foi a maior goleada da Série C e empurrando pra longe a ameaça de entrar na zona de rebaixamento

sábado, 12/09/2020, 21:22 - Atualizado em 12/09/2020, 22:13 - Autor: Diego Beckman


| Divulgação

O Paysandu não tomou conhecimento do Imperatriz-MA e aplicou neste sábado (12), a maior goleada da Série C 2020, ao vencer por 6 a 1, no estádio da Curuzu, em Belém. E mais do que isso: encostou no G4 da Terceirona após ficar ameaçado de entrar na famigerada zona de rebaixamento.

VEJA COMO FOI O JOGO

VEJA OS GOLS DE PAYSANDU X IMPERATRIZ-MA

O primeiro tempo começou frio como o sereno da noite paraense, mas quem tomou iniciativa foram os maranhenses em cobranças de escanteio, assim como também o Paysandu, sendo que a cabeçada de Micael assustou os maranhenses.

Aos poucos, o calor do jogo foi tomando a iniciativa dentro de campo e foi pelo alto que o Paysandu encontrou o primeiro gol: em cruzamento pela direita, a bola bate no braço do zagueiro maranhense e o árbitro anota penalidade máxima, onde o meia Alex Maranhão cobrou com categoria para fazer Paysandu 1 a 0, aos 32 minutos.

Mas assim como no jogo contra a Jacuipense-BA, a vantagem bicolor foi embora em pouco tempo. Em uma falha do goleiro Gabriel Leite, a bola sobra limpa para o atacante Cesinha que só tem o trabalho para empurrar para o fundo da rede empatando a partida.

Ainda bem que o Paysandu contou com Nicolas, que acabou com o jejum de gols. Aos 44 minutos, Tony acha o atacante dentro da área e a cabeçada foi fatal para as redes maranhenses. Paysandu 2 a 1.

Jorge Luiz / Paysandu SC
 

Se o primeiro tempo foi melhor, o segundo veio sob encomenda e logo aos sete minutos, o Papão marcou o terceiro com Uillian, em jogada individual.

Cinco minutos depois, o Paysandu ampliou a goleada e com uma obra-prima: Alex Maranhão cobra falta e marca um golaço. Papão 4 a 1.

Com o Imperatriz-MA sem forças para reagir, o treinador Hélio dos Anjos mudou o time, mas não a intensidade e o paraense Elielton aproveitou para deixar o dele: aos 29 minutos o pequenino bicolor marcou o quinto e aos 43 deu o tiro de misericórdia no Cavalo de Aço dando números finais ao jogo: Paysandu 6X1 Imperatriz-MA.

Agora, o Paysandu vai para dois jogos fora de casa e o primeiro deles será no dia 21 de setembro, uma segunda-feira, contra o Ferroviário-CE, em Fortaleza (CE) e no mesmo dia, o Imperatriz vai até Goiânia (GO) para enfrentar o Vila Nova-GO.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU: Gabriel Leite; Tony, Perema, Micael e Bruno Collaço; Wellington Reis (Alan Calbergue), Anderson Uchoa (Serginho) e Alex Maranhão (Juninho); Vinicius Leite (Erik Bessa), Nicolas (Elielton) e Uillian.

Técnico: Hélio dos Anjos

IMPERATRIZ-MA: Henal; Leo Rodrigues, Henrique Mattos, Xandão e Makeka; Nonato, Jocinei, Judson e Guilherme Garré; Cesinha (Reginaldo Junior) e Anderson Cavalo

Técnico: Estevam Soares

ÁRBITRO: Rafael Martins Diniz (DF)

ASSISTENTES: Renato Gomes Tolentino (DF) e Kleber Alves Ribeiro (DF)

CARTÃO AMARELO: Jocinei e Makeka (IMP); Juninho e Anderson Uchoa (PSC)

LOCAL: estádio Leônidas Castro / Curuzu / Belém (PA)

| Divulgação
| Divulgação

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS