Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Brasil

DEFINIDO

Cruzeiro oficializa Enderson Moreira como novo treinador

quarta-feira, 18/03/2020, 19:14 - Atualizado em 18/03/2020, 19:14 - Autor: FOLHAPRESS


Três dias depois de demitir Adilson Batista do cargo de treinador, o Cruzeiro oficializou a contratação de Enderson Moreira para comandar a equipe na desafiadora temporada de 2020.

O anúncio foi feito nesta quarta-feira (18), horas depois de o Ceará, que já se acertou com Guto Ferreira, informar sobre o desligamento do técnico. O novo comandante assinará um contrato até o fim deste ano, com possibilidade de renovação por mais uma temporada.

Enderson e Guto eram os principais alvos do Cruzeiro para suceder Adilson. Apesar de empregado, Enderson se tornou o preferido dentro do clube mineiro principalmente após a promoção de Ricardo Drubscky, diretor da base e que agora ocupará também o cargo de diretor de futebol profissional.

A dupla já trabalhou junta no próprio Cruzeiro, mas a parceria mais recente foi no rival América-MG, quando desbancaram o Internacional e terminaram o ano de 2017 como campeões da Série B.

"Será um prazer reencontrar com o Ricardo, que é um grande mestre no futebol e uma referência que tenho em meu trabalho. Sempre tivemos uma sintonia muito boa no modo de pensar o jogo. Nos últimos anos tivemos uma parceria vitoriosa e espero que a gente consiga desenvolver um grande trabalho juntos e fazer com que o torcedor se veja representado dentro de campo", disse Enderson, em entrevista ao site do Cruzeiro.

O caminho de Enderson Moreira ficou livre para o Cruzeiro desde a madrugada de terça (17), quando o técnico pediu seu desligamento do Ceará. A equipe alvinegra agiu rápido e já contratou Guto Ferreira para o cargo.

Com a proposta do Cruzeiro em mãos, Enderson ficou satisfeito com o que foi apresentado sobre o projeto celeste, que traça não só o retorno à Série A do Brasileirão, mas um 2021, ano do centenário de fundação do clube, ainda mais promissor.

"Tenho uma grande expectativa de que vamos conseguir devolver o Cruzeiro à elite do futebol brasileiro. Sei que muitas pessoas corretas estão ajudando o Clube neste momento. Gostaria de aproveitar e agradecer aos gestores, que estão acreditando em meu trabalho. Tudo isso será determinante para que possamos contribuir com a reconstrução", completou.

No final do ano passado, Enderson já havia comandado o Ceará, mas foi demitido nas últimas rodadas do Brasileirão. Seu sucessor, Argel Fucks, conseguiu evitar o rebaixamento, superando o próprio Cruzeiro, mas também deixou o clube no início de fevereiro.

Em sua segunda passagem pelo Ceará, Enderson estava em alta e ainda invicto em 2020, com dez jogos, seis vitórias e quatro empates.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS