Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


24°
R$

Esporte / Esporte Brasil

SÉRIE A

Santos empata com Athletico e vê liderança mais distante

domingo, 08/09/2019, 19:00 - Atualizado em 08/09/2019, 19:00 - Autor: Gustavo Dutra


| Reprodução/Instagram SantosFC

O Santos empatou por 1 a 1 com os reservas do Athletico, neste domingo (8), na Vila Belmiro, e desperdiçou a chance de embalar novamente no Campeonato Brasileiro. Braian Romero abriu o placar, enquanto a equipe de Jorge Sampaoli igualou com Sánchez, de pênalti, já no fim. O resultado frustra o plano alvinegro de seguir próximo do líder Flamengo.

O time paulista vai a 37 pontos, enquanto o rival carioca abre dois de vantagem na liderança. Já o Athletico, que poupou seus titulares visando a decisão da Copa do Brasil, chega a 26 pontos, na nona colocação.

O Santos agora se prepara justamente para o confronto direto no fechamento do primeiro turno, contra o Flamengo. A partida acontece no próximo sábado (14), no Maracanã, às 17h (de Brasília). O Athletico entra em campo pela final da Copa do Brasil na quarta-feira (11), diante do Inter, na Arena da Baixada.

O time da casa começou em cima, mas com muita dificuldade para furar o bloqueio rival. Aos poucos, o adversário foi equilibrando a partida e chegando em jogadas trabalhadas. Como a trama aos 33 minutos do primeiro tempo, que obrigou Everson a fazer duas grandes defesas no mesmo lance.

Aos 41, o gol. Thonny Anderson recebeu passe de Lucho, girou e bateu cruzado para Braian Romero empurrar para as redes. Ainda no final do primeiro tempo, o Santos pressionou. Nos acréscimos, Uribe completou cruzamento e parou na trave; pouco depois, Léo defendeu boa cobrança de falta de Jean Mota.

Assim como no começo do jogo, os paulistas voltaram do intervalo impondo pressão. Léo fez difícil defesa após cabeçada de Gustavo Henrique aos 8. Aos 33, foi a vez de Léo parar Lucas Veríssimo em um verdadeiro milagre. O empate veio aos 46 minutos da etapa final. Marinho sofreu pênalti, checado pelo VAR (se havia sido dentro ou fora da área). Sánchez foi extremamente frio e, com uma cavadinha, igualou. Ainda teve tempo do auxiliar de Sampaoli ser expulso.

SANTOS

Everson; Felipe Aguilar (Pará), Gustavo Henrique e Lucas Veríssimo; Diego Pituca, Jean Mota (Lucas Venuto), Carlos Sánchez e Felipe Jonatan; Marinho, Eduardo Sasha e Uribe. Técnico: Jorge Sampaoli.

ATHLETICO

Léo; Madson, Pedro Henrique, Léo Pereira e Adriano (Abner); Rossetto, Lucho González (Erick), Everton Felipe (Tomás Andrade) e Thonny Anderson; Vitinho e Braian Romero. Técnico: Tiago Nunes.

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Árbitro: Rodrigo Carvalhães de Miranda

Gols: Braian Romero, aos 41 minutos do primeiro tempo; Sánchez, aos 46 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Diego Pituca, Marinho e Lucas Veríssimo (Santos); Lucho González, Adriano, Rossetto, Léo, Thonny Anderson, Madson e Tiago Nunes (Athletico)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS