Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
32°
cotação atual R$

Esporte / Esporte Brasil

CONFRONTO NO UFC

Paraense Polyana Viana volta ao octógono em categoria acima

quinta-feira, 08/08/2019, 20:37 - Atualizado em 08/08/2019, 20:37 - Autor: Bruna Dias


| Reprodução

A paraense Polyana Viana foi escalada de última hora para substituir Rachael Ostovich na luta contra Veronica Macedo, que ocorre no próximo sábado (10). Porém, engana-se quem pensa que a Dama de Ferro não está preparada para o confronto. “Foi tudo bem corrido. Peguei a luta faltando dez dias e tive que fazer o que dava. Já estava treinando antes, só por treinar. Com ou sem luta, eu treino todos os dias, estou sempre fazendo preparação. Por isso eu pude pegar essa luta de última hora, porque eu estava pronta”, contou.

Assista à Copa Sul-Americana, Série C do Brasileirão, Série A Italiana, Ligue 1 Francesa, WTA e muito mais. APROVEITE O LANÇAMENTO DO DAZN BRASIL!

Para este confronto, pelo UFC Montevidéu, no Uruguai, Polyana irá subir uma categoria. “Optei por fazer essa luta na categoria de cima. Como eu fui chamada de última hora, já estava em cima para bater o peso, mas é só por essa luta. Depois estou de volta no 52kg (peso-palha)”, explicou.

Dama de Ferro fez sua estreia na organização no ano passado no UFC Belém. Na ocasião, ela finalizou Maia Stevenson no primeiro round e conquistou milhares de admiradores. Porém, nos dois confrontos seguintes, ela perdeu para JJ Aldrich e Hannah Cifers. Esse é o momento de recuperação da paraense.

 Lutadora paraense do UFC reage a assalto e deixa ladrão com rosto desfigurado

Polyana é Pará! Dama de Ferro fala da tentativa de assalto e de volta por cima no UFC

Deiveson Figueiredo já tem outro confronto marcado este ano para o UFC

A adversária de Polyana, Veronica Macedo, perdeu três lutas desde que assinou com a organização. Ela  foi nocauteada por Ashlee Evans-Smith, perdeu por pontos para Andrea Lee e foi finalizada por Gillian Robertson.

Veja as análises de Polyana para o confronto:

Lutar mais perto de casa

"Eu acho bom lutar perto. Menos desgaste, menos viagem. Se eu tivesse cortando peso era menos estresse também. Aqui [Uruguai] é bem pertinho e fica mais fácil".

 Veronica Macedo

"Eu estudei um pouco ela, assisti algumas lutas. Ela é boa em cima, faixa preta de judô, faixa marrom de jiu-jitsu. Vou fazer o meu jogo e pretendo finalizar. Mas acho que tanto no chão ou quanto em cima eu consigo derrotar ela".

Repercussão após reagir ao assalto

"Eu senti uma pressão grande do público em cima de mim. Como eu bati no ladrão, eles queriam que eu fizesse isso com qualquer adversaria. Mas eu estou lutando contra uma pessoa treinada, que luta profissionalmente, não é alguém que não sabe se defender".

Recado para os torcedores

"Que continuem torcendo, que continuem me apoiando que vou dar o sangue para trazer essa vitória para o Brasil".

Pressão por vir de duas derrotas

"Eu peguei uma luta de última hora para segurar card. Vou dar meu máximo para ganhar, mas essa luta não tenho tanta responsabilidade".

Primeiro evento do UFC no Uruguai

"Isso é muito bom para a galera daqui da América Latina, pois vão aparecer mais oportunidades para eles lutarem no UFC".

Ver essa foto no Instagram

🐡

Uma publicação compartilhada por Polyana Viana ♥ Dama de Ferro (@polyanaviana) em

Ver essa foto no Instagram

Sextou 💃🏻 #tbt

Uma publicação compartilhada por Polyana Viana ♥ Dama de Ferro (@polyanaviana) em

Ver essa foto no Instagram

🏖

Uma publicação compartilhada por Polyana Viana ♥ Dama de Ferro (@polyanaviana) em

Acompanhe as informações da luta no DOL.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS