Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$
Música

Com 11 anos, MC Bruninho administra a média de 10 shows mensais com rotina de criança

segunda-feira, 28/01/2019, 08:28 - Atualizado em 28/01/2019, 08:33 - Autor:


Ele estourou em Recife (PE), sua terra natal - por lá, inclusive, é impossível andar com ele na rua, conta o produtor Júlio César Fuzzeto. E após Neymar Junior e Gabriel Jesus cantarem a música "Jogo do Amor" durante a concentração da Copa da Rússia, MC Bruninho ficou conhecido em todo Brasil. Além disso, cantores como Marília Mendonça e Wesley Safadão passaram a cantar o hits do talento mirim.


"Pra falar a verdade eu fiquei meio feliz e meio emocionado ao mesmo tempo. Depois eu conheci e joguei bola com ele (Neymar), com o Gabriel Jesus também. Foi muito bom e fiquei muito feliz, muito mesmo", contou MC Bruninho, sobre ver os ídolos cantarem a sua canção. Ele até publicou nas redes sociais que nem nos seus melhores sonhos imaginava que isso pudesse acontecer.


Hoje, Richardson Barbosa - nome de batismo de MC Bruninho - de apenas 11 anos, faz de oito a dez shows por mês, isso porque precisa conciliar a vida de cantor com os estudos. Mas por onde passa, costuma ter casa cheia. "Não dá trabalho, só faço show no final de semana e durante a semana eu estudo", conta ele, que está cursando o sexto ano do ensino fundamental.


Com menos de um ano após seu primeiro vídeo postado na internet, o cantor já contabiliza uma legião de fãs e seguidores: são 3,5 milhões só no Instagram e o vídeo com a sua primeira canção, postado em maio do ano passado, já ultrapassou 205.538.331 visualizações e 1,7 milhão de curtidas.


 "Tô muito feliz por ter alcançado", abriu um sorriso de menino danado, ao falar sobre ter chegado ao sucesso, durante a conversa exclusiva com o caderno Você no último fim de semana, quando esteve em Belém fazendo show.


O pai dele, Joelson Barbosa, tratou de completar que ser cantor era um sonho antigo do filho. "Ele vivia brincando com os meninos tocando bateria e cantando. E aquele menino que vivia brincando de ser cantor, hoje está cantando para milhões de pessoas, realizou o sonho dele. Primeiramente foi Deus que colocou a mão na cabeça dele e falou assim: 'tua estrela vai brilhar'. Primeiramente Deus que deu o talento a ele", diz o pai.


Seu Joelson era porteiro de uma escola em Recife e tinha uma banda de samba de raiz. Largou tudo para acompanhar o filho nesse sonho, e faz isso praticamente 24h por dia. Por conta da idade do filho, tem autorização judicial para que o garoto faça os shows. "Eu larguei tudo para acompanhar o sonho dele, mas antes de fazer isso, primeiro vim conhecer o mundo e o universo em que ele iria se meter, e se valia a pena. Quando vi que dava para fazer, eu fiz", conta. A carreira do menino, aliás, mudou a vida da família toda, que saiu de Recife para fixar residência em São Paulo. "Hoje não falta nada para ele. Antes ele queria um brinquedo caro e eu não podia comprar. Hoje, se ele quiser, eu posso, mas por mérito dele, que está fazendo os shows", diz o pai.


Além de cantor e compositor, MC Bruninho também é multi-instrumentistas.  "Toco tudo, bateria, tantan, surdo, pandeiro, reco-reco, repique, tamborim", enumera o menino.


Apesar de ter alcançado o sonho de ser cantor, ele alimenta outro desejo: "Meu pai vai rir, quero chegar ao futsal júnior", diz Bruninho, que sente falta de jogar bola por causa da agenda atribulada. "Tinha um centro comunitário em que a gente podia jogar bola, fazer natação, um monte de coisa lá,  se chama Compaz, o campo do Centro Comunitário da Paz. Cada um escolhia ser um jogador. Sempre eu era o Neymar ou o Ronaldinho Gaúcho", conta, com brilho nos olhos.


 


Disco a caminho e previsão de matinês para atingir público infantil


Joelson diz que não tinha muita noção se o menino faria sucesso, mas na hora que gravaram a música, todos os envolvidos ficaram arrepiados. "Ficou bonita na voz dele e eu já sabia que ele cantava. Como eu era músico, fazia shows e ele já cantava (músicas de) Ferrugem e Mumuzinho para o meu público", diz o pai.


Hoje MC Bruninho tem seis músicas gravadas: "Jogo do Amor", "Me Belisca", "Você me Conquistou", "Beijinho Gostoso", "Sou Favela" e "A Distância Tá Maltratando". O garoto, que classifica seu gênero como batidão romântico, logo avisa que quer ir além e cantar todo tipo de música e que ouve até música coreana.


Apesar de atingir as crianças com a sua música, o público dos seus shows não são os "erês" - sua apresentação é após as 21h. Mas no planejamento da sua carreira já está previsto o lançamento de um CD e também de matinês visando o público infantil.


"Estamos produzindo um CD, está pré-pronto. Ele está gravando uma música com o Enzo, filho do Bruno, da dupla com Marrone. Em março ele vai fazer uma participação no DVD do Enzo também. O CD deve ter entre 10 e 12 músicas, porque o pessoal está pedindo muito. Temos um planejamento de carreira dele, voltado para as crianças, com matinês", adianta o pai.


Se ele não sente nem um friozinho na barriga ao subir ao palco e ver tanta gente cantando suas canções? "Não, é normal", diz, logo completado pelo produtor Júlio César Fuzzeto, que o acompanha nos shows: "Ele tira muito como brincadeira e lazer".


Mas como qualquer criança, MC Bruninho gosta é de jogar videogame e tomar um bom banho de piscina por onde passa. Aqui em Belém não teve sorte, pois quando chegou, logo caiu uma chuva e ele não pôde "pegar uma piscina".


"Estragou, logo na hora, logo na hora. O pai jogou praga, dizendo não vai tomar banho de piscina!", disse, rindo. O que ele fez? Encheu a banheira do quarto do hotel e a transformou em piscina - só não imaginou que ela transbordaria e molharia toda a sua roupa que estava fora. Precisou esperar a produção chegar com outras roupas para poder descer para a entrevista.


Também como toda criança, ele não se rende ao cansaço e não descansa como deveria. Por isso, estava um pouco aborrecido na entrevista.


O pai garante que a hora em Bruninho quiser parar, vai acatar o pedido do filho. "Preservo muito a infância dele, preservo esse lado criança. Ele está fazendo essa carreira porque é o sonho dele. Antes tivemos uma conversa de pai e filho e perguntei: 'é isso que você quer, tem certeza?'. Porque se ele é artista, tem que fazer show, tem que tirar foto e tem que fazer um monte de coisa. Preparo ele para tudo, mas o dia que ele chegar e falar que não quer mais, paramos", garante o pai.


 


Confira alguns dos sucessos de MC Bruninho:



 



 



 


(Aline Rodrigues/Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS