Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$
Games

Jogadores que fizerem boosting poderão ser presos, segundo projeto de lei na Coreia

quarta-feira, 14/06/2017, 12:28 - Atualizado em 14/06/2017, 12:28 - Autor:


Os coreanos que quiserem trapacear em seus jogos poderão ser punidos com prisão de até 2 anos e multa de até US$ 20 mil, caso esse projeto de lei seja aprovado.

Boosting é o ato de entrar na conta de outra pessoa e jogar com a finalidade de subir o nível ou ranking da conta em questão em troca de dinheiro.

Segundo o site Inven, traduzido pelo usuário do reddit Calycae, a proposta foi feita por membros da legislação coreana que alegaram que o boosting “é como fazer uma prova mas ao invés de você responder às questões, você paga outra pessoa para fazer a prova por você”, e também argumentou que “existem três coisas que estão poluindo a indústria de games e esports: hacks ilegais, servidores privados ilegais, e profissionais de boosting“.

A prática do boosting nunca foi punível pois não havia lei correspondente. A Riot Games e a KeSPA (Korean Esports Association) tentavam combater a prática mandando alertas para streamers e websites relacionados ao assunto e até processando as empresas, mas não tinham poder o suficiente para tomar ações mais drásticas.

A legislação coreana já aprovou uma lei que torna os hacks e servidores privados puníveis. Lee Dong Sub, responsável pela proposta, afirma: “Com essa medida, vamos proteger a indústria dos games e o cenário dos esports”.

A lei se aplicará a todos os esports.

Fonte: Jovem Nerd

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS