Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
CRIME VIRTUAL

Influencer pernambucana tem vídeo de sexo a três vazado na web 

domingo, 24/05/2020, 11:35 - Atualizado em 24/05/2020, 11:36 - Autor: Com informações de Portal CM7


“Sereia Ruíva' é natural de Pernambuco, estado onde faz muito sucesso na web.
“Sereia Ruíva' é natural de Pernambuco, estado onde faz muito sucesso na web. | Reprodução

Vazou um vídeo nas redes sociais, da digital influencer, Marylia Vasconcelos de Pernambuco, filmada em momentos íntimos com dois homens.

Após o vídeo começar a circular nas redes sociais, a blogueira ficou desesperada com a repercussão negativa e gravou outro vídeo dizendo que iria se matar.

Marylia tem quase 100 mil seguidores no Instagram.

Digital influencer ‘Sereia Ruiva’ tem vídeo fazendo sexo a três vazado nas redes sociais. Foto: Divulgação/Instagram

A blogueira postou um vídeo após a repercussão:

 


Com a lei 13.718/2018, que modificou o código penal, foi inserido um novo crime no ordenamento jurídico brasileiro, algo que já estava em muito debate no Brasil devido às novas tecnologias.

CRIME VIRTUAL

O Código penal brasileiro prevê o artigo 218-C, que detém a seguinte redação:

Art. 218-C. Oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, vender ou expor à venda, distribuir, publicar ou divulgar, por qualquer meio - inclusive por meio de comunicação de massa ou sistema de informática ou telemática -, fotografia, vídeo ou outro registro audiovisual que contenha cena de estupro ou de estupro de vulnerável ou que faça apologia ou induza a sua prática, ou, sem o consentimento da vítima, cena de sexo, nudez ou pornografia: Pena - reclusão, de 1 (um) a 5 (cinco) anos, se o fato não constitui crime mais grave.

Passou a ser o crime o fato de a pessoa divulgar/compartilhar cenas de estupro, que faça apologia a essa prática, bem como o fato de repassar foto ou vídeos de cenas de sexo, nudez ou pornografia. Esse compartilhamento de imagens de nudez, apenas será crime quando não houver consentimento da pessoa.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS