Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
33°
cotação atual R$
RACISMO É CRIME

Bombeiros xingam Cacau Protásio: "aquela gorda preta, com aquele monte de veado"

quarta-feira, 27/11/2019, 15:00 - Atualizado em 27/11/2019, 15:00 - Autor: Fonte: Uol


| Reprodução

A atriz Cacau Protásio e quatro bailarinos sofreram ofensas racistas por parte de um grupo de bombeiros do Rio de Janeiro. Tudo aconteceu após a artista gravar uma cena de seu próximo filme, Juntos e Enrolados, no Quartel-Central do Corpo de Bombeiros. Nas imagens gravadas do quartel, Cacau aparece usando a farda da corporação e dançando junta com seus bailarinos.

Os áudios com as ofensas foram divulgados pelo portal Uol. "Olha a vergonha no pátio do quartel central. Essa mulher do Vai que Cola, aquela gorda, colocou a farda e botou os dançarinos viados com roupa de bombeiro. Isso é um esculacho, rapaz. Qual é a desse comandante? Vai deixar uma p... dessas no pátio do quartel?", diz uma das gravações, enviada para um grupo de Whatsapp.












Ver essa foto no Instagram

Vídeo 1.

Uma publicação compartilhada por Cacau Protásio (@cacauprotasiooficial) em

Ver essa foto no Instagram

Vídeo 2.

Uma publicação compartilhada por Cacau Protásio (@cacauprotasiooficial) em

Em outro áudio, um militar se mostra incomodado com a presença da atriz e dos bailarinos e usa termos racistas e homofóbicos. ''Vergonhoso. Mete aquela gorda, preta, numa farda de bombeiro, uma bucha de canhão daquela, com um monte de bailarino viado, quebrando até o chão. Vão achar que é o que? Bombeiro? Aquilo é tudo viado. Lamentável.", afirmou outro.

No dia da gravação, a atriz chegou a postar em suas redes sociais um agradecimento aos integrantes da corporação. Na manhã desta quarta-feira, Cacau fez um poste em seu Instagram com a imagem de um coração partido, sugerindo que teria tomado conhecimento dos insultos. Anônimos e famosos se sensibilizaram e manifestaram apoio à atriz.

O Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro ainda não se manifestou sobre o caso. 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS