Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
CASO PREOCUPA

Fã é acusado de perseguir Eliana e SBT teme por novo ‘caso Ana Hickman’

domingo, 06/10/2019, 09:14 - Atualizado em 06/10/2019, 09:14 - Autor: DOL


| Reprodução

Um clima de medo tomou conta dos bastidores da emissora SBT depois que um fã da apresentadora Eliana, identificado como João Helder Carlos Júnior, teria se tornado motorista de Uber em uma tentativa de se aproximar da famosa. Em 2017, ele foi retirado da plateia do programa de Eliana após tentar agarrá-la. 

De acordo com o portal Notícias da TV, a relato de funcionários do SBT que teriam sido ameaçados de morte por João Helder. O caso teve início em 2017, quando ele foi expulso do programa de Eliana: na ocasião, além de tentar agarrar a apresentadora, a emissora alegou que havia apresentado comportamentos inadequados com outras pessoas da plateia. 

Após o episódio, ele chegou a publicar um relato contra o atendimento da emissora no Reclame Aqui.

Ainda segundo a reportagem do jornalista Daniel Castro, João viu o Uber como uma forma de reverter a situação e conseguir entrar no SBT. Alguns funcionários relataram que chegaram a pegar uma corrida com ele, que pediu insistentemente o endereço residencial de Eliana. 

Os funcionários da emissora chegaram a comparar o comportamento dele com o de Rodrigo de Pádua, fã que invadiu o hotel de Ana Hickmann em 2016 e acabou morto após ameaçá-la de morte.

Ao ficar sabendo dos fatos, o SBT emitiu um comunicado interno com a foto do rapaz pedindo aos funcionários que recusassem as corridas de João.

Em vídeo publicado no Youtube, o João Helder dispara palavras chulas e chega a falar que os funcionários precisam ser assassinados.

(Com informações do portal Overtube)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS