Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
BLOQUEIO

Justiça determina prisão de Giba, mas defesa consegue habeas corpus a tempo

sábado, 31/08/2019, 19:07 - Atualizado em 31/08/2019, 19:07 - Autor: DOL


Jogador é acusado pela ex-mulher de não pagar pensão alimentícia aos filhos
Jogador é acusado pela ex-mulher de não pagar pensão alimentícia aos filhos | Reprodução

O ex-jogador de vôlei Giba teve a prisão decretada por 60 dias no último dia 28, em um processo movido pela ex-mulher, Cristina Pirv, que o acusa de não pagar pensão alimentícia aos dois filhos do casal.

Mas de acordo com o site UOL, a defesa do ex-atleta conseguiu a tempo um habeas corpus de cinco dias, evitando que ele fosse encarcerado. 

Vale lembrar que Giba quase havia sido preso no ano passado pelo mesmo motivo. Na época, o jogador precisou quitar um débito de R$ 90 mil, mas voltou a atrasar o pagamento. Estima-se que a dívida chega a R$ 200 mil.

Jogador é acusado pela ex-mulher de não pagar pensão alimentícia aos filhos
Jogador é acusado pela ex-mulher de não pagar pensão alimentícia aos filhos Reprodução
 

A defesa do ex-jogador, diz que os valores são incompatíveis com seus atuais vencimentos, já que a pensão foi estabelecida na época em que ainda atuava.

No entanto, até o momento, ele não provou a queda de seus ganhos mensais para que a Justiça determine um novo valor.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS