Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$
TRAGÉDIA

Bombeiro que resgatou Diana lembra última fala da princesa: "Deus, o que aconteceu?"

sábado, 20/07/2019, 15:45 - Atualizado em 20/07/2019, 16:10 - Autor: Com informações de The Sun


|

Duas décadas após a morte princesa Diana em um trágico acidente de carro que chocou o mundo, o bombeiro que tentou salvar a vida de Lady Di concedeu pela primeira vez uma entrevista sobre os últimos momentos dela antes de morrer. Ao jornal "The Sun", Xavier Gourmelon contou o que Diana disse a ele após o acidente.



O bombeiro foi o responsável por tirar a princesa dos destroços depois que carro no qual ela estava, em alta velocidade, colidir contra o pilar do Túnel Alma, em Paris. Após ser retirada do veículo, uma Mercedes, ela sofreu uma parada cardíaca. Gourmelon diz que conseguiu ressuscitar a princesa, mas ela acabou não resistindo e morreu pouco tempo depois no hospital para onde foi levada. Ela conta que, inicialmente, não se deu conta de que se tratava da princesa Diana -- e que apenas descobriu quem era ela quando a princesa já estava na ambulância. "O carro estava destruído e lidamos com aquilo como se fosse um acidente de carro qualquer", disse ele. "Fizemos de tudo para identificar quem precisava mais de ajuda e quem estava vivo. Diana me falou: 'Meu Deus, o que aconteceu?'". Gourmelon disse que pôde ver Diana viva.


"A mulher, que mais tarde eu descobriria ser a princesa Diana, estava de costas no chão. Ela estava se mexendo pouco e vi que ela estava viva. Pude ver que ela tinha um pequeno ferimento no ombro direito, mas não parecia ser algo significante. Não havia sangue nela", disse.

Ele relembrou os momentos dramáticos após o grave acidente: "Eu massageei o coração dela por alguns segundos e ela voltou a respirar".  "Claro que foi um alívio e pensei que tinha conseguido. Para ser sincero, achei que ela estava viva. Mais tarde soube que ela havia morrido no hospital. Foi devastador", falou.


O milionário egípcio e Lady Di viveram sete meses de romance antes do trágico acidente de agosto de 1997. Foto: Getty Images

Gourmelon ainda se lembra de ter interagido com o segurança de Diana, Trevor Rees-Jones, que estava sentado no banco da frente e que sobreviveu ao acidente.

"Ele ficava perguntando pela princesa, dizendo: 'onde ela está? Onde ela está?'. Mas minha equipe disse para ele ficar calmo e parar de falar. Eu disse que nenhum dos meus homens falavam inglês e que, por isso, era melhor que ele ficasse quieto. Falei para ele não se preocupar pois estávamos cuidando de todos".    O bombeiro disse que ainda mantém viva na memória a cena de vinte anos atrás. "A lembrança daquela noite ficará comigo para sempre".

Ele disse que nunca havia dado entrevista porque não tinha permissão. Ao "The Sun", Gourmelon afirmou que se aposentou após 22 anos de carreira e que só agora se sentiu à vontade para falar a respeito.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS