Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


26°
R$

Cultura / Últimas

Últimas

Vai ficar em Belém no carnaval? Veja as opções para curtir os dias de folia na capital

sábado, 02/03/2019, 07:07 - Atualizado em 02/03/2019, 10:14 - Autor:


Não viajou? Acha que a cidade estará paradona neste feriado? Pois saiba que a folia promete ser animada para quem ficou em Belém para curtir o Carnaval. Shows e cortejos gratuitos, festa indoor, bailes tradicionais de salão e bailinhos à fantasia para reunir os pequenos e toda a família são opções na programação carnavalesca da cidade.


No sábado, a boa pedida é o Bloco Lambateria, dentro do “Circuito Mangueirosa”, movimento cultural realizado por artistas, blocos e produtores culturais independentes, que busca relembrar os tempos áureos dos carnavais de Belém e colocar a cidade de novo no mapa carnavalesco do Brasil. O bloco conta com Félix Robatto e Seu Conjunto, Grupo de Carimbó Sancari e, no fim, terá uma festa indoor com a Banda Xeiro Verde no Porto Music Belém, além dos DJs Zek Picoteiro e Rebarbada.


Outra opção no sábado é a festa “Bloquinho” no Açaí Biruta, com Bino, Baladeros e Grupo Irreverência. “Nosso repertório vai ser com o que a galera já conhece, bem pra cima, com bastante pagode dos anos 1990, um pouco de samba enredo e samba duro, que chamamos de suingueira, relembrando os clássicos do É o Tchan e Harmonia do Samba. Um show animado, mas com esse viés carnavalesco”, avisa Márcio Newber, vocalista do Irreverência.


No domingo, o “Circuito Mangueirosa” põe na avenida o Bloco Manada, que será puxado pelo Bando Mastodontes, acompanhado pelo Afoxé do Pará Ita Lemi Sinavuru e DJ Gustavo Moreira. O bloco segue até o Porto Music, onde a festa continua com as bandas Na Cuíra pra Dançar e Farofa Tropikal, juntas no show “Na Cuíra Tropikal”. Depois tem DJs Roni e Layse Rodrigues.


Outra opção para o domingão de Carnaval é o Bloco Cavaleiros D’Noca, que vai animar os brincantes com muito samba e as tradicionais marchinhas puxadas pelos cantores Darley Darlen e Flávia Anjos. A folia vai contar ainda com as cantoras Iara Mê, Lorena Moraes e Arnaldo Buda.


Com o tema “Ninguém larga o coração de ninguém”, o bloco reúne há oito anos os amantes do samba, frequentadores da Casa D’Noca e famílias inteiras. A concentração acontece na frente da casa de samba, localizada na Travessa 9 de Janeiro, em São Brás, a partir das 15h, com previsão de saída às 17h para desfilar pelas ruas do bairro.


Quem procura atividade carnavalesca para crianças, tem programação também no domingo, 3, no shopping Bosque Grão Pará, com show infantil “Os Brinquedos na Folia”, às 17h, gratuito, na Boate Up.




(Foto: Divulgação)


Folia prossegue até a Terça-Feira Gorda


Pensa que acabou? Na segunda-feira, 4, o “Circuito Mangueirosa” segue firme e forte trazendo para a folia o Bloco Lucha Libre, que reúne as produtoras Meachuta e Se Rasgum, e que vai promover um combate musical entre os DJs Jack Sainha e Pedro Kobold, Bernardo Pinheiro e Damasound, Bambata Brothers e DJ DBL. Na segunda também ocorre o tradicional “Baile Vermelho e Branco” do Clube Bancrévea, uma tradição que já dura cerca de 70 anos.


“A gente sempre tenta manter o baile com música de Carnaval e no período da folia, talvez por isso seja um sucesso”, diz Evaldo Silva, presidente do clube. O evento costuma reunir cerca de 2 mil brincantes, entre sócios e não sócios, numa folia que conta com desfile da Rainha do Carnaval do Clube, escolha de melhor fantasia e do grupo mais animado.


Esse ano o baile vai contar com a apresentação de Eloi Iglesias, Grupo Cabanagem e Sambloco. A festa começa com o show do Grupo Cabanagem levando samba para os foliões, depois é a vez de Eloi e sua charanga e o Sambloco encerra a folia. “A festa vai até o sol raiar. Ao final damos a tradicional volta olímpica no clube e, depois, muito banho de piscina”, diz o presidente do clube.


Na Terça- feira Gorda, 5, para se despedir do Carnaval 2019, o tradicional bloco Filhos de Glande anima os brincantes com o show da Orquestra Carnafônica, sob comando de Juliana Sinimbú e participações de Liège e Renata del Pinho, além de performances de drags do coletivo NoiteSuja, também no Ver-o-Rio. O cortejo segue com a bateria da Bole Bole até o Porto Music, onde acontece a festa indoor do bloco com discotecagem de DJs e um show da Lauvaite Penoso, com participação de Liège e Sammliz, fechando essa primeira edição do “Mangueirosa”.


Terça-feira também tem o “Baile Maravilha” no Palafita, com os artistas Marquinho Duran e banda B3 subindo ao palco em total clima do sunset de carnaval com entrada franca até 16h. No mesmo horário a Estação das Docas promove o “Bailinho de Carnaval da Estação”, no Armazém 3. A folia será animada pelo show da “Canções de Brincar”, banda que tem um repertório diferenciado com cantigas infantis das décadas de 1970 e 1980.


O bailinho vai contar ainda com a participação do Grêmio Recreativo e Escola de Samba Crias do Curro Velho, que fará um cortejo pela orla da Estação a partir das 18h, chamado todos para a folia. A programação é gratuita.



(Aline Rodrigues/Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS