Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
CORES E BRILHO

Exposição de fantasias exalta fazedores do carnaval de Belém

Mostra busca valorizar profissionais que vivem do Carnaval.

sábado, 13/02/2021, 09:52 - Atualizado em 13/02/2021, 10:07 - Autor: Aline Rodrigues


Mostra reúne fantasias e adereços de cinco agremiações
Mostra reúne fantasias e adereços de cinco agremiações | Divulgação

Este ano, não teremos Carnaval, mas podemos matar um pouco da saudade da folia com a exposição “Histórias de Carnaval com Escolas de Samba”, que reúne artigos e fantasias de cinco agremiações de Belém: Deixa Falar, Império Pedreirense, Matinha, Piratas da Batucada e Quem São Eles. As mostra, gratuita, pode ser visitadas até 28 de fevereiro, das 10h às 22h, em um shopping na Av. Augusto Montenegro.

“A curadoria ocorreu de forma muito prazerosa, foi muito satisfatório o contato com as agremiações, mais ainda num ano onde não teremos desfiles. Convidamos as escolas do primeiro grupo para expor as fantasias e assim fazer com que os brincantes pudessem relembrar a alegria que tiveram nos anos que participaram dos desfiles”, diz o curador Bruno Correia.

Com as fantasias e adereços, a mostra busca reviver um pouco do amor daqueles que se envolvem durante um ano inteiro para colocar sua agremiação na avenida.

“Nosso objetivo é de ressaltar a nossa cultura folclórica, que é rica, e mostrar que através do carnaval conseguimos expressar um pouco disso”, diz Bruno.

A exposição quer fazer um resgate cultural do carnaval de Belém, além de valorizar a comunidade que trabalha por trás da festa.

Para Bené Brito, mestre-sala da Piratas da Batucada, a iniciativa é importante para dar visibilidade às escolas de samba e valorizar estilistas, carnavalescos e outros fazedores do carnaval.

“A exposição é, para gente que é do Carnaval, da cultura popular geral, é de extrema importância, porque tem parte da população de Belém que não conhece as escolas de samba da cidade, pessoas que só veem carnaval pela televisão ou têm outras referências, como São Paulo. Por isso essa exposição é importante, ainda mais agora em tempos difíceis de pandemia, ajuda a manter acesa a chama do amor pelo carnaval, faz com que o público que conhece carnaval, ama escolas de samba, veja que suas agremiações estão sendo valorizadas através desse tipo de ação”, pontua Bené, cuja escola vive uma ascensão no carnaval paraense desde 2007, quando conseguiu chegar ao grupo de elite.

Veja

Exposição “Histórias de Carnaval com Escolas de Samba”

Visitação: Até 28 de fevereiro, das 10h às 20h

Onde: Av. Augusto Montenegro, 4300

Quanto: Gratuito

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

Para quem vai sua torcida no BBB21?

MAISACESSADAS