Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
FEIRA PAN-AMAZÔNICA DO LIVRO

Autora paraense retorna a Belém para lançar livro 'Em volta da lâmpada'

segunda-feira, 26/08/2019, 09:50 - Atualizado em 26/08/2019, 09:50 - Autor: Enderson Oliveira


| Divulgação

Na próxima quinta-feira (29), 18h, no Estande do Escritor Paraense, integrante da 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro, será lançada a obra "Em volta da lâmpada", da paraense Larissa Leal Neves.

Publicado em 2018 e lançado pela primeira vez na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR), em Curitiba, o livro agora chega a Belém, cidade de origem de Larissa. O projeto gráfico da obra é assinado pela ilustradora e diagramadora Thaís Salim e possui formato pocket, com ilustrações minimalistas. Foram fundamentais ainda para a publicação Marcela Vidal Machado, responsável pela revisão; e Gilberto Bastos, editor-chefe da editora Mérula.

Nascida na véspera do Círio de Nazaré em 1989, Larissa Leal cresceu em Ananindeua, onde morou até 2011. É graduada em Letras pela Universidade do Estado do Pará, fez mestrado em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás e atualmente cursa doutorado em História na Universidade de Brasília.

O livro reúne crônicas inspiradas no cotidiano, mostrando não somente experimentos estéticos e o vigor reflexivo da autora, mas também sua proximidade ao gênero literário. “Acho que a crônica, por ser um gênero de linguagem simples e que tem essa ligação muito forte com o cotidiano e sua velocidade, tanto do banal quanto dos assuntos sérios, é muito importante porque tem muita gente, às vezes que não tem nenhuma pretensão literária, exercitando-a. Assim, é um tipo de texto privilegiado para ecoar nossas vozes – eu costumo trabalhar crônica em sala de aula com meus alunos por isso. Mesmo tendo perdido espaço nos jornais nos últimos anos, ela ganhou outros na internet, nos blogs, que é onde comecei a publicar as minhas, e depois nas redes sociais, o que é muito interessante. Mesmo assim, acho que ainda estamos redescobrindo as suas potencialidades de comunicar na era digital", afirma Larissa, que atualmente também é professora da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, em Posse, interior de Goiás.

O interesse da autora por crônicas não é aleatório, vem desde a adolescência e a faz até hoje possuir como uma de suas principais referências o capixaba Rubem Braga. "Acho que boa parte da forma como abordo os temas aprendi com ele – claro que não estou me equiparando. Um pouco de lirismo, um pouco de humor, um pouco de melancolia. Nesse livro, esse é o tom mais marcante. Outros que me inspiram muito para escrever crônicas são Eneida, Fernando Sabino e Xico Sá. Eu tento exercitar vários tipos de crônica", sintetiza.

Observar para/ e transformar a vida ordinária em algo mais poético, sabemos, não é das atividades mais fáceis. Pelo contrário. É atividade repleta de desafios, bem como exige de quem as produz um olhar atento e uma conexão entre si e as situações que se vive e as pessoas com os quais se relaciona. É a partir desta compreensão que Larissa revela: “para mim, o mais difícil é encontrar aquele ‘elemento especial’ no assunto que quero abordar, às vezes é uma imagem, às vezes uma metáfora, às vezes uma simples palavra, porque o mais importante para mim não é o assunto em si, mas se eu posso oferecer um olhar diferente sobre ele, um olhar meu. Acontece muitas vezes de eu querer muito falar sobre um assunto, mas não acho esse elemento, aí eu desisto da crônica, porque senão sai mais um desabafo. Se bem que alguns desabafos valem à pena”.

Neste caleidoscópio da vida, seus temas mais simples e mesmo os mais complexos e angustiantes, a obra também pode provocar o leitor a observar o que segue próximos de nós, mas pouco iluminado – ou tão claro que nos cega. Eles parecem continuar em volta da lâmpada, silenciosos. “Os assuntos mais ásperos, e cruciais, vivem rondando, mas ainda aparecem um pouco tímidos perto dos outros. Não têm se arriscado a se queimar”, finaliza Larissa.

SERVIÇO

Lançamento do livro "Em volta da lâmpada", de Larissa Leal Neves

Quando? Quinta-feira (29), 18h

Onde? Estande do Escritor Paraense, na 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro (Hangar Convenções & Feiras da Amazônia – Av. Doutor Freitas, s/n, bairro do Marco)

Quanto custa o livro? R$15,00

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS