Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$
REPÓRTER DIÁRIO

Mudança nas bandeiras epidemiológicas dos campi da UFPA está no RD 

Outro destaque é o sucateamento da Defesa Civil encontrada pela nova administração em Belém

sexta-feira, 08/01/2021, 10:41 - Atualizado em 08/01/2021, 10:41 - Autor: Repórter Diário


Campus da UFPA em Belém
Campus da UFPA em Belém | Arquivo

O Grupo de Trabalho da UFPA sobre o Novo Coronavírus emitiu boletim, atualizando a situação das bandeiras epidemiológicas nos campi universitários. A única mudança em relação à situação anteriormente vigente é a adoção da bandeira laranja no Campus de Altamira. Os demais campi seguem com bandeira amarela. No boletim, o GT reforça a importância das recomendações de biossegurança. A avaliação do cenário epidemiológico é permanente e tem como base os dados disponibilizados pelo Sistema MonitoraCovid-19 (Fiocruz) e pelo Portal Farol Covid.

BANDEIRAS

Em dezembro de 2020, a UFPA aprovou a Resolução n. 1.513 do Conselho Superior de Administração, adotando o sistema de bandeiras para estabelecer diretrizes para atividades acadêmicas e administrativas durante o período de emergência causada pela pandemia. A bandeira laranja sinaliza a existência de risco médio de contaminação, com capacidade hospitalar em nível de saturação e nível alto de transmissão viral. Já a bandeira amarela sinaliza risco intermediário de contaminação.

SUCATEAMENTO

Estrutura física deficiente, falta de equipamentos e projetos, e apenas dois servidores no atendimento. Este o quadro que a nova diretora da Defesa Civil Municipal, Christiane Ferreira da Silva, encontrou ao assumir a direção do órgão. Notou a ausência de atendimento informatizado, sites e redes sociais, o que impossibilita maior integração e visibilidade pelos cidadãos. Para piorar, não há planejamento estratégico, nem quadro técnico e os poucos servidores não têm material adequado para trabalhar.

BALANÇO

O secretário municipal de Coordenação Geral de Planejamento e Gestão (Segep), Cláudio Puty; a secretária municipal de Finanças (Sefin), Káritas Rodrigues; e o procurador geral do Município (PGM), Alberto Vasconcelos, concedem entrevista coletiva hoje, às 14h, na Segep, para apresentar os números do balanço de contas encontrados na Prefeitura de Belém pela nova gestão, que assumiu no dia 1º de janeiro. Também participam da coletiva os integrantes da Comissão de Transição de governo: Sylmara Leite, Bruno Batista e Ana Maria Beltrão.

INTELIGÊNCIA

Uma parceria, firmada ontem entre a reitoria da Ufra e a Polícia Federal no Pará, vai permitir o aprimoramento dos servidores e agentes para atuarem na área de inteligência cibernética e cibersegurança. A Ufra possui um centro de computação e perícias (Icibe) que atua em cenários de crime para coleta de evidências em ambiente cibernético. Pelo convênio, os policiais federais serão capacitados em computação forense e perícia digital, em três módulos – básico, intermediário e avançado – chegando ao nível de pós-graduação, com a duração de dez meses.

ATENDIMENTO

O Governo do Pará, por meio da Sespa, garantiu o fornecimento e a aplicação do medicamento necessário ao tratamento de Antony Neves, de um ano de idade, diagnosticado com Atrofia Muscular Espinhal (AME) tipo 1, doença rara caracterizada pela fraqueza muscular grave, de forma progressiva, e que provoca a degeneração da medula espinhal. A primeira dose da medicação foi aplicada na tarde de quarta-feira (6) no Hospital Regional Dr. Abelardo Santos, no distrito de Icoaraci, em Belém, que é referência no tratamento da doença.

LINHA DIRETA

O setor da mineração, através do Simineral, esteve ativo no período da pandemia ajudando as comunidades locais. Em um último balanço realizado pelo presidente, José Fernando Gomes Junior, mais de R$ 150 mil reais foram doados para instituições sociais e para o hospital de campanha de Parauapebas.

Para marcar o 186º aniversário da Revolução Cabana, a Secult e a Fumbel promoveram ontem à noite a live “Mulheres cabanas: memórias e contemporaneidades”, com a participação da doutora e professora de pós-graduação Eliana Ramos e da mestra em Geografia Márcia Kambeba.

A transmissão ocorreu pelo canal da Secult no YouTube e foi aberta com a participação da secretária de Estado de Cultura, Úrsula Vidal, do prefeito Edmilson Rodrigues e do titular da Fumbel, Michel Pinho, marcando uma das primeiras parcerias entre Estado e município em 2021.

Ainda em comemoração ao aniversário de Ananindeua, o prefeito Daniel Santos entregará amanhã (9) as ruas Pilar e Beira Rio, no bairro 40 horas. A Secretaria Municipal de Saneamento fará os serviços de terraplanagem, pavimentação e regularização dos pontos de iluminação.

Os incêndios florestais e queimadas na América do Sul atingiram pontos máximos de ocorrências em 2020, entre fevereiro e junho e de agosto a outubro. São índices superiores aos registrados em 1998 e em 2011. A ocorrência de incêndios impacta negativamente pessoas, ecossistemas e clima.

Estima-se em três mil mortes prematuras, anualmente, na América do Sul, resultantes de queimadas e incêndios. Nota técnica da Plataforma MAP-Fire apresenta dados e informações referentes a dezembro de 2020, além de projeções até fevereiro de 2021.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS