Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Colunistas / Repórter Diário

REPÓRTER DIÁRIO

Artigo 'Por favor, mais compaixão', de Alberto Beltrame, é destaque na Folha de S. Paulo

terça-feira, 28/04/2020, 11:39 - Atualizado em 28/04/2020, 11:37 - Autor: Repórter Diário


| Bruno Cecim/Ag. Pará

Em artigo publicado ontem no jornal Folha de S. Paulo, o secretário estadual da Saúde e presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde, Alberto Beltrame, cobra mais compaixão para com as vítimas de Covid-19 no país. Cita a perda de mais de 4 mil vítimas em 60 dias e questiona o posicionamento do Ministério da Saúde. “Nenhuma palavra que expresse compaixão por doentes ou por quem perdeu seus entes queridos foi ouvida. Precisamos de um ministério que seja capaz de demonstrar, em mensagens à sociedade e em ações concretas, um mínimo de empatia, solidariedade e compaixão”, diz o artigo.

COBRANÇA

O artigo assinado por Beltrame, intitulado “Por favor, mais compaixão”, reflete também a cobrança de secretários de Saúde de todo o país por mais leitos, respiradores, monitores e bombas de infusão que foram prometidos e não entregues. Questiona a falta de testes e a necessidade de equipamentos de proteção individual para os profissionais que atuam na linha de frente. “Estamos prontos para cooperar, mas é essencial o auxílio a Estados e municípios para que possamos dar a atenção a todos que dela necessitam. É o que pedimos. Por favor, mais compaixão”.

SALÁRIOS

Com planejamento financeiro e contas públicas em ordem, o Governo do Pará garante o pagamento em dia do funcionalismo público e as vagas de trabalho, desconsiderando qualquer possibilidade de demissões nos órgãos da administração pública direta e indireta. O Estado começa a pagar hoje os salários de abril, encerrando no dia 30, com os servidores da Secretaria de Estado de Educação (Seduc). Desde 2019, logo após o início da atual gestão, o governo trabalhou para alcançar o equilíbrio nas contas, por meio do alinhamento de diretrizes e planejamento estratégico para 2020.

LIDERANÇA

O Pará alcançou domingo (26) o índice de 60,57%, ocupando o primeiro lugar no ranking nacional de isolamento social. A meta mínima estabelecida pelas organizações de saúde para impedir a disseminação do novo coronavírus é de 70% e ainda não foi atingida por nenhum Estado. Os dados foram divulgados na manhã de ontem (27), pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), por meio da Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac). Foi o 3º melhor dia de isolamento social no Estado desde o início da quarentena.

REFORÇO

Depois de ter que vender salgadinhos nas ruas de Ponta de Pedras (Marajó) como forma de sustento, o médico cubano Raymond Garcia chegou ontem a Belém para se juntar aos outros 85 médicos que irão reforçar o trabalho de combate à pandemia do novo coronavírus no Estado, por convocação do governador Helder Barbalho. Devido à experiência que tinha em Cuba, ele atuará direto nas UTIs. Com hospitais públicos e privados funcionando na capacidade máxima, o Pará tornou-se o nono estado com mais registros de casos confirmados e de mortes no país.

ALEGRIA

Como forma de combater a doença, o governador Helder Barbalho anunciou a contratação dos médicos cubanos, exemplo que deverá ser seguido por vários Estados em situação parecida. Raymond Garcia sempre quis voltar a exercer a medicina desde que o programa Mais Médicos foi extinto pelo então ministro Luiz Henrique Mandetta, em 2019. No sábado, 25, Raymond teve a alegria de ser contatado pela Sespa e veio para Belém de barco em viagem que durou cinco horas. O médico é formado pela Faculdade de Medicina Dr. Salvador Allende, em Havana.

LINHA DIRETA

- A juíza Eva do Amaral Coelho vai atuar no segundo grau da Justiça do Estado. Foi convocada pelo presidente do TJPA, desembargador Leonardo de Noronha Tavares, “ad referendum” do Pleno do Judiciário. A magistrada é titular da 3ª Vara Criminal da Comarca de Belém e soma 34 anos de magistratura.

- Segundo a Portaria nº 1233/2020-GP, a juíza atuará no acervo deixado pela desembargadora Nadja Nara Cobra Meda, que morreu em março passado, até o preenchimento da respectiva vaga. Eva Coelho atuará perante o Tribunal Pleno, Seção de Direito Público e 2ª Turma de Direito Público.

- Desde ontem, a Polícia Civil instituiu protocolo de atendimento a ser adotado pela instituição quando um servidor informar que tem sintomas da covid-19 (tosse, febre, coriza, dor de garganta, em especial dores intensas no corpo, cabeça e atrás dos olhos).

- O primeiro ato determinado é que cada servidor deve comunicar à chefia imediata, podendo esta comunicação ser feita pelo PAE, e-mail ou mensagem de WhatsApp. Em seguida, o servidor deve ser afastado para o cumprimento de quarentena domiciliar de 14 dias

- O prefeito de Cachoeira do Arari, Jaime Barbosa (MDB), vem mantendo ações de prevenção e monitoramento no município, mas sofre com a entrada constante de pessoas pelos rios da região. Dos cinco casos confirmados de novo coronavírus em Cachoeira, três são importados.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS