Tuédoidé? / Bizarro

TRAGÉDIA

Homem mata amigo e bebe sangue dele misturado com cachaça

Segunda-Feira, 12/11/2018, 22:33:06 - Atualizado em 12/11/2018, 23:16:11 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Homem mata amigo e bebe sangue dele misturado com cachaça (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Neste último domingo (11), um trabalhador rural de 33 anos foi assassinado com pelo menos 11 golpes de facas nas costas e nuca na cidade de Rosana, no Pontal do Paranapanema, em São Paulo. Uma outra vítima, de 24 anos, levou uma facadas nas costas e foi encaminhado ao Hospital Regional (HR) da cidade. 

O suspeito é outro trabalhador rural, de 23 anos, amigo de infância da vítima, que foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira (12) após confessar o crime. 

De acordo com a Polícia, após o crime, o suspeito foi até um bar próximo à fazenda onde comprou uma garrafa de pinga e retornou ao local do crime. O homem jogou a bebida sobre o corpo da vítima e chegou a beber a mistura de cachaça com sangue que escorria pelo corpo. 

A polícia informou que a ação aconteceu em um galpão na fazenda, usada como dormitório. Os três assistiam televisão, enquanto bebiam. No entanto, houve uma briga, levando ao esfaqueamento das vítimas. 

No local do crime vivem seis homens, o qual todos os moradores de Guairaçá (PR), que são amigos de infância e fora contratados para trabalhar na colheita de mandioca. 

Segundo as investigações, a briga começou após uma das vítimas solicitar uma dose de pinga, que foi negada, supostamente em tom de brincadeira. Logo, o que fez o pedido, acabou acertando o amigo, com um pedaço de madeira, o que desencadeou a confusão. 

Um dos homens, tentou impedir a agressão, mas acabou sendo atingido com uma facada nas costas, que perfurou o pulmão direito. O que havia acertado o pedaço de madeira tentou fugir, mas ficou encurralado entre o pneu e o trator e a garagem, quando foi golpeado. 

(Galpão onde o crime aconteceu - Reprodução/Polícia Civil)

(Com informações do Siga Mais)





Comentários

Destaques no DOL