DOL QUER SABER

MAIS PERGUNTAS

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Você aprova a saída de Sérgio Serra da presidência do Papão?

Quinta-Feira, 06/07/2017, 12:48:07 17 comentários Tamanho da fonte: A- A+

O futebol paraense teve nesta quinta-feira (6), uma surpresa ao tomar conhecimento da renúncia de Sérgio Serra do cargo de presidente do Paysandu.


Apesar da conquista do título paraense deste ano, os últimos resultados do time bicolor no Campeonato Brasileiro da Série B não estão agradando a torcida, que vê o time ameaçado de ir para a zona de rebaixamento da competição.


Depois de dois mandatos como vice-presidente, o período de Sérgio Serra durou menos de oito meses no clube bicolor.


O DOL Quer Saber. Você aprova a saída de Sérgio Serra da presidência do Paysandu?


Dê sua opinião. Participe.


(DOL)

17 Comentários

  • 13028 - Arthur Freire da Silveira Silveira - Sábado, 08/07/2017, 11:34:43

    claro que sim, independente de sua boa ou má adm. o que importa é a integridade fisica dele e de seus familiares. vida que segue. Arthur Silveira.

  • 13027 - aires - Sábado, 08/07/2017, 00:06:26

    Já vai tarde.esse imbecil contrata um gerente de futebol incompetente igual a ele; que deixa irem embora jogadores como;Fernando Gabriel, Leandro Carvalho, Gilvan, etc... e contrata bombas da marca desse tal de Lucas Taylor, mandii e ainda mantém o perna de pau do Fernando Lombardi como titular, tá querendo mesmo afundar o PAPÃO.Vai te embora matador do próprio clube.

  • 13026 - Paulo cavalcante - Sexta-Feira, 07/07/2017, 12:10:05

    O Serra foi brincar de Presidente e deu no que deu. Omisso e mostrando não ter nem cacoete de dirigente de futebol, provocou a ira da torcida e vai fazer história no clube como covarde.

  • 13025 - gervasio - Sexta-Feira, 07/07/2017, 11:44:52

    Tem pessoas que não possuem perfil para serem dirigentes. até como vice ele podia desenvolver um bom trabalho, entretanto, quando chegou a galgar a presidência fracassou.
    Ficou insistindo e dando muito IBOPE para vinda desse Técnico ruim chamado de Chamusca, que nunca ganhou nada;
    contratou mal, deixando de escapar valores credenciados para outros clubes (Tiago Luis), ganha menos no Goias, do que ganhava no PSC.
    Contratou um executivo de futebol, que não conhece jogadores de qualidade, trazendo para Belém somente pernas de pau, do tipo Marcão, Sobralense, Renato Augusto, Wesley, Willian Simões, Amorim e outros. Aqui já temos jogadores de pouca qualidade como Lombardi, Bergson, Capanema, Airton, Diogo Oliveira,
    salvam-se Emerson, Perema, Peri, Recife, Rodrigo Andrade, Jonata, Leandro Carvalho.
    O Presidente se deixou levar pela vaidade de mandar, deixando de ouvir o público torcedor.
    Não usou de transparência para divulgar a situação financeira do clube, só fazendo agora, mesmo tendo conhecimento já que tinha sido vice em duas gestões.
    O Clube parecia que estava numa situação muito boa das finanças, haja vista a contribuição dos sócios torcedores, bem com de receitas oriundas da CBF, Televisão, Banco Estatal, rendas de jogos e receitas da comercialização do nome Lobo. Tudo isso sem ser divulgada quanto se arrecada e quanto se gasta mensalmente.
    Ora se na gestão anterior estava tudo indo de acordo com a normalidade, porque só agora estão sendo reveladas as mazelas de caixa.
    Até hoje não se sabe quanto o PSC ganhou na transferência do Iago Picachu para o Vasco.
    Agora é a vez do Rodrigo Andrade ser entregue a um clube grande de graça.
    Ouviu muito as opiniões dos falsos profissionais contratados, afastando do time Leandro Carvalho que não é um santo, mas joga muita bola. Já pensou se flamengo, Santos, Palmeiras, Barcelona e outros fossem dispensar seus jogadores de qualidade porque eles não andam dentro de uma filosofia de trabalho baseada em uma disciplina de quartel e de dogmas religiosos, tais como sim senhor, benção. Jogadores desse tipo não rendem nada, e ainda, levam o clube ao rebaixamento.
    Peço a nova Presidência que façam uma administração voltada para que a Instituição Paysandu não seja tratada como um time de terceira divisão. Não adianta contratar muitos sem qualidade. Contrate cinco ou seis que venham somar com qualidade e tirar o nosso PAPÃO dessa situação.
    retorno imediato de Leandro Cavalho e dispensa in loco desse executivo de futebol que só aumenta os gastos.
    viva o PAPÃO e sempre estaremos contigo meu amor Papão.
    Agradecimentos a Radio Clube por divulgar tudo que acontece no esporte do Pará, ouço essa Radio há 56 anos, desde criança lá em Gurupá.

  • 13024 - antonio - Sexta-Feira, 07/07/2017, 08:24:53

    O ex presidente cometeu mtos erros, principalmente em contratações de jogadores que não tem condições de vestir a camisa do paissandú, temos que contratar qualidade e não quantidade é isso que falta para qualquer dirigentes, ai vcs vão ver se os torcedores voltar ao estádio.

  • 13023 - - Sexta-Feira, 07/07/2017, 08:18:55

    INICIALMENTE, ACHO UM ABSURDO O QUE ESSES BANDIDOS FIZERAM COM A FAMÍLIA DO EX-PRESIDENTE. NÃO É POR AÍ! Mas já que está feito quero dizer a vocês que Esse último jogador contratado Rodrigo Andrade pelo paysandu é uma Lesma e não reforço? Aqui no Fortaleza, quando não estava bichado, todas as vezes que entrava o time perdia a dinâmica. Só atrapalhava o time, é ruim das contas. Foi para São Paulo e ajudou a enterrar o RB Brasil.
    Acho que o grande problema do PAYSANDU. NÃO ERA O SERRA, mas sim esse Diretor de Futebol que só contratas os amiguinhos dele, e por sinal todos muito ruim.
    Portanto, como o Serra teve o peito de renunciar, deveriam mandar essa comissão técnica embora e trazer o Mazola.
    Tambem espero que o Tony Corceiro, honre o nome da familia e contrate grandes jogadores, pois a torcida se garante a pagar.
    Ora se o Serra tivesse contratado uns cinco jogadores de serie "A", pagaria 500 mil a mais e a torcida em um mes proporcionaria no minimo 1,5 milhão. Mas se continuar contratando jogador de 30 ou 40 mil, não vai arrecadar nem a metade para pagar a folha. Quer dizer que um clube como a Chapecoense, que tem 4 anos, e não tem torcida, pode agir como time grande e o paysandu não! no mínimo é estranho.

  • 13022 - Eduardo Viana - Sexta-Feira, 07/07/2017, 06:52:27

    Aprovo a saída desse amador de Presidente do Paysandú. Ea irmã dele que vá se queixar e chorar na cama que é lugar quente. O Paysandú é muito maior que Presidente que pensa que manda em td. E forma um time igual a ele fracassado.

  • 13021 - Wilson - Quinta-Feira, 06/07/2017, 21:39:59

    SIM. Deveria ter saído pelo seus fraco desempenho a frente do clube. E vale ressalvar que nenhum torcedor do Papão aprova o episodio de violência gratuita empregado contra o Serra, foi uma atitude de covarde deste marginal que foi ameaça-lo.

  • 13020 - ALVARO - Quinta-Feira, 06/07/2017, 20:51:50

    que fica, mandando pelo ao menos 5 ou 7 perna de pau embora e contrata 5 ou 7

  • 13018 - HIGOR LYRA - Quinta-Feira, 06/07/2017, 15:50:04

    NÂO POIS ISSO NÂO E CULPA DELE NO CASO DP PRESIDENTE E SIM DOS JOGADORES SALARIO EM DIA TUDO EM DIA O QUE ELES MAIS QUEREM. ELES VIVEM PRA JOGAR A VIDA DELES E JOGAR. ENTÃO A CULPA NÃO E DO SERRA .

  • 13017 - augusto costa - Quinta-Feira, 06/07/2017, 15:45:09

    Fiquei surpreso com a atitude do presidente, todavia respeito sua decisão.Tinha confianças plenas na sua gestão, cara jovem, acadêmico, experiente. Tinha se preparado para exercer o cargo, todavia não sabemos o que fez tomar tal decisão.
    O Paysandu, é maior que tudo, temos pessoas que têm todas as condições de tocar o barco.
    No momento o que está acontecendo é que está se trocando uma peça da engrenagem o que já vem funcionando há pelos menos duas gestões. A hora é de reunir os verdadeiros bicolores e rever onde o planejamento foi falho e fazer os ajustes necessários.
    Nós torcedores e nenhum momento abandonaremos nosso Papão, estamos sim perplexo com o que vem acontecendo, mas jamais o abandonaremos.
    As vitórias voltaram a acontecer e se Deus quiser a paz voltará a reinar nos arraiais bicolores.
    Boa sorte Tony Couceiro, confiamos em vc.

  • 13016 - Bicolor - Quinta-Feira, 06/07/2017, 15:44:23

    Muito fraco, até pra falar com a impressa era difícil, pra ser presidente tem que ter dinheiro, ser articulado e ser malandro, coisa que o Serra não tinha.

  • 13015 - Pensador - Quinta-Feira, 06/07/2017, 15:33:15

    A intolerância está predominando sobre o bom censo, sabemos que no futebol é o resultado que prevalece, mais atacar e ameaçar uma pessoa e sua família já passa da razão.

  • 13014 - - Quinta-Feira, 06/07/2017, 14:30:15

    A renuncia do presidente Serra ratifica o quanto o mesmo é fraco, muito fraco como gestor.
    Isso demonstra que não basta querer ser presidente do clube, é necessário entender que gerenciar um clube de futebol não é mesmo que gerenciar uma empresa e que, para isso, é preciso ter competência. Resumindo: tem que conhecer de futebol, ser estratégico e, principalmente, ser ousado.
    Essa política de contratar com pés no chão não se aplica a um clube de massa como o Paysandu. É verdade que não se deve fazer loucuras, mas o que motiva o torcedor a ir ao estádio é um bom time, com jogadores de qualidade e, para isso, sabemos que é necessário investir. Esse foi o grande erro do Serra: contratar jogadores de série c para atuar na série b.
    Agora o que resta é torcer para que evitemos o rebaixamento. Mas, para isso é preciso contratar e contratar bem.

  • 13013 - SERGIO NUNES - Quinta-Feira, 06/07/2017, 14:04:07

    Melhor ação que ele fez, desde sua posse. Sem contar que foi a única.
    Vai e não volta nunca mais...BURRO!

  • 13012 - Paulo - Quinta-Feira, 06/07/2017, 14:02:10

    Não se pode somente culpar o presidente, a menos que ele seja um "ditador", em não ouvir seus diretores. Mas penso, que somente a renuncia do Serra não resolveria o problema. Deve renunciar toda a diretoria

  • 13011 - - Quinta-Feira, 06/07/2017, 13:35:37

    Aprovo a saída do presidente do Paysandu. Está evidente que as contratações de jogadores não teve o critério de qualidade profissional do jogador para um Clube que ascende a série A.