Notícias / zAppzApp

CASO DE POLÍCIA

Empresa de eventos é acusada de não pagar funcionários por serviços prestados

Sexta-Feira, 09/11/2018, 21:33:13 - Atualizado em 09/11/2018, 23:18:28 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Empresa de eventos é acusada de não pagar funcionários por serviços prestados (Foto: DOL)
(Foto: DOL)

Uma equipe de garçons e copeiros denunciou a empresa A&P Eventos por falta de pagamento referentes a vários serviços prestados. A história virou caso de polícia e eles denunciaram um Boletim de Ocorrência contra a empresa na Seccional de São Brás. 

De acordo com a denúncia, o grupo foi vítima de estelionato por parte do dono da empresa, identificado como Adriel César Dias. Segundo uma das vítimas, o suspeito contratou nove pessoas para trabalhar durante um evento. O valor de R$ 70 por pessoa foi pago.

A equipe acabou sendo chamada para trabalhar em mais três eventos e, segundo eles, não houve pagamento de nenhum deles,

O valor do pagamento seria de R$ 270, mais R$ 100 da passagem, além de uma promessa de carteira assinada, vale-digital e entre outros benefícios. 

Um dos denunciantes contou que ao cobrar o pagamento, o dono da A&P Eventos informou que estava sem dinheiro, pois havia sido vítima de um golpe: a conta dele estava bloqueada, devido uma cliente ter passado um cartão e roubado todo o dinheiro. Logo em seguida, ele alegou também que estava sem documentos.


(Boletim de ocorrência referente a denúncia/Reprodução) 

Segundo a vítima, depois de um mês, o empresário ainda não havia efetuado o pagamento, mas realizava eventos quase todo o fim de semana.

Uma das vítimas disse também que descobriu que essa mesma empresa recebeu um processo de dívidas, no qual negociou com uma possível cobradora, que passou pela mesma situação. 

O DOL entrou em contato com a empresa A&P Eventos que informou que o pagamento de toda a dívida será realizada a partir do dia 15 de novembro e preferiu não dar mais detalhes sobre o caso. 


(DOL)





Comentários

Destaques no DOL