Notícias / Tecnologia

NOVIDADE

Facebook vai priorizar notícias locais no feed de usuários em todos os países

Segunda-Feira, 26/03/2018, 12:05:02 - Atualizado em 26/03/2018, 14:56:31 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

O Facebook anunciou nesta segunda-feira (26) que vai expandir globalmente a iniciativa de priorizar notícias locais no feed (página inicial) dos usuários da rede social.
A mudança vigora desde o início do ano nos Estados Unidos. 
"Hoje, estamos expandindo essa atualização para pessoas de todos os países, em todos os idiomas. Agora, pessoas de todo o mundo verão mais notícias no Facebook de fontes locais cobrindo sua cidade atual e outras cidades com as quais possam se preocupar", escreveu a empresa em comunicado.

O Facebook afirma que as notícias locais ajudam as pessoas a se conectarem sobre os problemas mais próximos e descobrirem o que está acontecendo em sua região, mostrando assuntos que têm impacto direto na comunidade.

Segundo a empresa, com a atualização, publicações locais que cobrem múltiplas cidades próximas terão mais facilidade para atingir uma audiência de moradores da região.

"Consideraremos uma publicação como local para várias cidades se as pessoas nessas cidades tiverem maior probabilidade do que as pessoas de fora dessas cidades de ler artigos do domínio da publicação. Ao expandir o escopo do que pode ser considerado local para as pessoas, estamos incluindo outras cidades com as quais as pessoas podem se interessar e conectando pessoas a editores locais dessas cidades."

O Facebook tem recebido duras críticas por falhar no controle de disseminação de notícias falsas em sua rede, e a empresa enfrenta atualmente a pior crise desde sua criação, após revelações de que a Cambridge Analytica, consultoria de dados que prestou serviços à campanha de Donald Trump, teria obtido dados de 50 milhões de usuários do Facebook e usado as informações para direcionar mensagens políticas aos eleitores americanos.

"Continuaremos nosso trabalho para priorizar notícias de alta qualidade no feed de notícias, incluindo notícias de fontes amplamente confiáveis, informativas e relevantes para as comunidades locais", afirmou o Facebook.

Na contramão da iniciativa, porém, o Facebook anunciou no início do ano que seu algoritmo passaria a privilegiar no feed de notícias conteúdo publicado por amigos e familiares do usuário, em detrimento ao distribuído por empresas, como as que produzem jornalismo profissional.

Fonte: FolhaPress







Comentários

Destaques no DOL