Notícias / Polícia

NO PARÁ

Preso acusado de estuprar adolescente com deficiência

Domingo, 10/02/2019, 14:53:06 - Atualizado em 10/02/2019, 15:42:27 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Preso acusado de estuprar adolescente com deficiência  (Foto: DOL)
(Foto: DOL)

Um homem identificado como Florentino da Silva foi preso após ser acusado de abusar sexualmente de um adolescente de 13 anos, que é portador de necessidades especiais. A prisão foi realizada na última semana, em Rurópolis, sudoeste paraense. 

Segundo o delegado Ariosnaldo da Silva Vital Filho, familiares da vítima procuraram a Unidade Integrada Propaz de Rurópolis para comunicar que, ao chegarem à residência, souberam do crime pela própria vítima.

De acordo com o adolescente, na ocasião do crime, o rapaz estava na casa de um amigo, quando chegou ao local um homem desconhecido e o chamou para ir ao banheiro nos fundos do quintal da casa, onde cometeu atos obscenos. 

Uma equipe de policiais civis deu início às investigações e identificaram um suspeito, morador em uma estrada vicinal de difícil acesso. No local, os policiais civis abordaram o suspeito com quem foi encontrado um vasto material pornográfico formado por mídias, tipo CDs e DVDs. Com ele, os policiais civis apreenderam uma arma de fogo do tipo espingarda calibre 22.

Ele foi conduzido até a Unidade Policial, onde negou ter cometido o crime. O delegado, diante das provas, autuou o preso em flagrante por estupro de vulnerável, posse ilegal de arma de fogo e posse de material com conteúdo pornográfico infantil. Em audiência de custódia foi decretada a prisão preventiva do acusado e determinada a imediata transferência do preso ao Presídio de Itaituba, para ficar recolhido à disposição da Justiça. 

A prisão foi resultado da operação policial denominada de “Anjos da Lei” que contou com a atuação dos investigadores Christian Magalhães e Alexandre Ripper, e escrivão Gustavo Castro, sob a supervisão do superintendente de Polícia Civil da região do Tapajós, delegado Vicente Gomes.

(Com informações da Polícia Civil)





Comentários

Destaques no DOL