Notícias / Polícia

ANANINDEUA

Ladrão de bancos é preso após perseguição e tiros na Grande Belém

Segunda-Feira, 04/02/2019, 16:48:36 - Atualizado em 04/02/2019, 17:24:48 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Ladrão de bancos é preso após perseguição e tiros na Grande Belém (Foto: Via WhatsApp)
(Foto: Via WhatsApp)

Um foragido da Justiça por acusações de assaltos a bancos foi detido após perseguição, na tarde desta segunda-feira (4), em um conjunto localizado na rodovia Mário Covas, no bairro do Coqueiro, em Ananindeua.

De acordo com informações da Polícia Civil do Pará, o detido foi identificado como Edson da Costa Cardoso, 44 anos, de apelido "Presidiário". Ele está com mandado de prisão expedido desde 19 de dezembro de 2015, por envolvimento em roubo a banco, na modalidade conhecida como "novo cangaço".

Ainda segundo a Polícia Civil, ao ser abordado por agentes do Serviço de Polícia Interestadual de Buscas e Capturas (Polinter), o foragido reagiu à voz de prisão e sacou uma arma, atirando em direção aos policiais civis.

Houve reação por parte da equipe da Polinter e o foragido acabou baleado e socorrido. Ele foi encaminhado para o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua. Com ele, um revólver calibre 32 foi apreendido.

Segundo a Polinter, Edson Cardoso tem três sentenças condenatórias em três processos criminais diferentes na Justiça do Estado, onde responde pelos crimes de tráfico de drogas, roubo, cárcere privado e porte ilegal de arma de fogo.

(DOL)





Comentários

Destaques no DOL