Notícias / Polícia

VIOLÊNCIA

PM é perseguido e executado em Mosqueiro

Quinta-Feira, 10/01/2019, 18:35:36 - Atualizado em 11/01/2019, 18:58:21 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

PM é perseguido e executado em Mosqueiro (Foto: Reprodução )
(Foto: Reprodução )

O 3º sargento Max Pedro da Silva Ferreira, de 48 anos, foi assassinado, na tarde desta quinta-feira (10), após sofrer um atentado a tiros na localidade de Carananduba, na PA-391, em Mosqueiro. Este o 5º agente de segurança morto nos primeiros dez dias do ano.

Segundo informações da PM, o agente estava próximo a sua casa quando dois homens em uma motocicleta vermelha o renderam e começaram a atirar. O militar chegou a ser socorrido e levado ao Hospital Geral de Mosqueiro, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na ala de primeiros socorros.

Pelo menos dois tiros atingiram o policial.

Os assassinos fugiram em alta velocidade e levaram a arma do militar, que estava lotado no 25º Batalhão com sede em Mosqueiro.

As buscas continuam para encontrar os responsáveis.

(DOL)





Comentários

Destaques no DOL