Notícias / Polícia

EXECUÇÃO

Vigilante é morto com 11 tiros por ocupante de carro preto em Ananindeua

Quarta-Feira, 24/10/2018, 12:48:16 - Atualizado em 24/10/2018, 14:29:52 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Vigilante é morto com 11 tiros por ocupante de carro preto em Ananindeua (Foto: Wagner Almeida/Diário do Pará)
A vítima trabalhava como vigilante há dois anos. (Foto: Wagner Almeida/Diário do Pará)

O vigilante João Luiz Cordeiro de Souza, de 33 anos, foi executado a tiros na noite da última terça-feira (22), na Rua das Orquídeas, no Conjunto Girassol, no bairro de Águas Brancas, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém.

O rapaz tinha acabado de chegar ao posto de trabalho, quando uma pessoa que estava em um carro preto peliculado desceu e efetuou os disparos sobre a vítima. A perícia identificou que o homem levou 11 tiros e o criminoso utilizou dois tipos de pistola no momento da ação. 

Familiares da vítima informaram que o mesmo vinha sendo ameaçado de morte, mas não quiseram falar o motivo. No local onde o guarda noturno foi morto existem algumas câmeras de segurança, que podem ajudar nas investigações do caso. 

João Luiz atuava como vigilante há cerca de dois anos e deixou a esposa e três filhos.

ATÉ QUANDO?

É o segundo vigilante morto em Ananindeua em apenas uma semana. Saiba mais clicando aqui.

(Com informações de Sancha Luna) 



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL