Notícias / Polícia

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Parauapebas: bando invade hospital e mata paciente

Segunda-Feira, 20/03/2017, 11:32:23 - Atualizado em 20/03/2017, 19:30:11 Ver comentário(s) A- A+

Parauapebas: bando invade hospital e mata paciente (Foto: reprodução)
(Foto: reprodução)

O motorista Waldomiro Costa Pereira foi morto a tiros dentro da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Geral de Parauapebas (HGP), na madrugada desta segunda-feira (20).

Cinco homens armados invadiram o local após renderem os seguranças. Segundo informações repassadas para a Polícia Civil, a vítima foi executada com pelo menos oito tiros.

O paciente deu entrada no HGP no sábado (18), após ter sofrido outro atentado e levar dois tiros em seu terreno, localizado na zona rural de Eldorado dos Carajás, após se envolver em uma confusão. 

Waldomiro era também militante do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), que emitiu uma nota lamentando o ocorrido.

 

INVESTIGAÇÃO

A Polícia Civil já investiga o caso com apoio do Núcleo de Apoio à Investigação (NAI) de Marabá, das seccionais de Marabá e de Parauapebas, e da Divisão de Homicídios, de Belém.

O caso foi registrado na Delegacia de Eldorado dos Carajás, onde o inquérito foi instaurado para apurar a tentativa de homicídio de sábado.

Os autores da ação criminosa fugiram do local e não foram identificados. 

Waldomiro era casado e tinha cinco filhos. O velório será realizado no município de Curionópolis.

A Polícia Civil já solicitou as imagens do circuito de monitoramento interno do HGP para analisar durante as investigações a fim de identificar os criminosos.

(Foto: reprodução)

(Com informações da Polícia Civil)





Comentários