Notícias / Polícia

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Jornalista fala sobre a agressão que sofreu

Segunda-Feira, 18/01/2016, 19:17:25 - Atualizado em 18/01/2016, 20:42:43 Ver comentário(s) A- A+

Jornalista fala sobre a agressão que sofreu (Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)

Após a grande repercussão da violência sofrida pelo jornalista Diogo Puget durante o sábado (16), enquanto brincava em bloco de Carnaval no bairro da Cidade Velha, em Belém, ele conta como a ação criminosa ocorreu. Puget foi esfaqueado ao tentar impedir que sua corrente fosse roubada.

Em entrevista ao UOL Esporte, ele contou que foi surpreendido por um dos bandidos, mas conseguiu agarrá-lo. No entanto, quando estava levando o criminoso para um dos seguranças recebeu, de outros bandidos, vários golpes nas costas e nos braços.

O jornalista acredita que um estilete foi utilizado como arma, devido a profundidade dos cortes em seu corpo. Mesmo tendo levado um suspeito ao segurança do bloco, o homem acabou liberando.

Após ser golpeado, o jornalista foi atendido em um hospital particular de Belém. Ele levou 120 pontos nas costas e nos braços.

Apesar da agressão, Diogo não chegou a ficar internado e saiu no mesmo dia do hospital. Nesta segunda-feira (18), ele postou em pefil no Facebook sobre como está se sentindo. “Pra mim o momento é de superação: susto, prejuízo, revolta. O quanto antes quero voltar a minha rotina”, escreveu o jornalista. 

(DOL com informações do UOL Esportes)

Leia também:

Comentários