Notícias / Polícia

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Pedreiro é executado por desconhecido

Quinta-Feira, 17/12/2015, 08:30:23 - Atualizado em 17/12/2015, 08:48:20 Ver comentário(s) A- A+

Pedreiro é executado por desconhecido (Foto: Tiago Silva)
Edevaldo Fonseca de Souza estava construindo um muro quando foi executado com vários tiros por um desconhecido (Foto: Tiago Silva)

Na manhã de ontem, por volta das 11h, o pedreiro Edevaldo Fonseca de Sousa, de 30 anos, construía o muro de uma casa situada no conjunto Jardim Tropical ou Heliolândia, periferia de Castanhal, quando foi executado com vários tiros disparados por um desconhecido. “Moradores da área ouviram pelo menos 6 disparos de arma de fogo. O atirador e o comparsa dele fugiram em uma motocicleta modelo Pop 100 de cor preta. O modelo e a placa não foram anotados por testemunhas”, informou o sargento Pessoa, da Polícia Militar.

Logo a má notícia se espalhou e vários curiosos compareceram ao local para assistir à remoção do corpo feita por peritos do Instituto Médico Legal (IML). O sargento Pessoa, cabos Odair e R. Gondin, de serviço na viatura 0518, realizaram várias incursões na tentativa de prender os assassinos, mas ninguém foi localizado. A família não informou se o pedreiro Edevaldo possuía inimigos ou se ele vinha sofrendo ameaças. O caso ficou de ser registrado na 12ª Seccional Urbana do bairro Jaderlândia. A Polícia Civil ficou de puxar a ficha para saber se a vítima tinha ou não passagens pela polícia.

(Tiago Silva/Diário do Pará)

Leia também:

Comentários