Notícias / Polícia

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Áudios acusam que a ordem é para "limpar as ruas"

Quarta-Feira, 05/11/2014, 01:26:31 - Atualizado em 05/11/2014, 05:07:30 Ver comentário(s) A- A+

Áudios acusam que a ordem é para
Cabo Figueiredo (destaque) foi morto em emboscada quando voltava para sua casa. (Foto: Reprodução/Facebook)

Vários conteúdos audiovisuais foram compartilhados via mídias sociais, poucas horas após a execução do cabo Figueiredo, da Ronda Ostensiva Tática Metropolitana (Rotam), no bairro do Guamá, em Belém.

Segundo essas informações, dezenas de pessoas foram mortas em suposta retaliação nos bairros do Guamá, Terra Firme, Jurunas, Canudos e outros da região metropolitana. Ouça alguns áudios que estão sendo compartilhados:

"Seu vacilão!", bandido comemora morte de policial militar.

"Ninguém segura ninguém", policial militar recomenda que população permaneça em casa.

"Põe sal nesse f...", bandidos mandam recado para comparsas e ameaçam militares.

"Meu tio é major e disse", jovem comenta sobre retaliação e a ordem dos oficiais.

"Muitos corpos no chão", mulher comenta suposta chacina na Terra Firme, segundo uma amiga.

 

(DOL)

Leia também:

Comentários