Notícias / Pará

NEGÓCIOS

Artigos juninos começam a dominar vitrines no comércio de Belém

Quarta-Feira, 15/05/2019, 10:06:25 - Atualizado em 15/05/2019, 10:10:34 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Artigos juninos começam a dominar vitrines no comércio de Belém (Foto: Ricardo Amanajás/Diário do Pará)
Lojas já começam a ser enfeitadas com artigos juninos, à espera dos consumidores (Foto: Ricardo Amanajás/Diário do Pará)

Passado o período de compras para o Dia das Mães, no centro comercial de Belém, as vitrines já começam a exibir, ainda timidamente, roupas e acessórios juninos, anunciando a chegada do mês das festas de Santo Antônio, São Pedro e São João.

Em uma loja especializada em artigos de festa, o tema junino já começa a enfeitar o estabelecimento. “Na verdade, estamos começando hoje a ornamentar a loja, apesar de já termos disponíveis diversos artigos como cartonados, balões, bandeirinhas e outros”, conta a gerente local, Meg Abud.

Ela acredita que a procura por esses artigos deva começar a se intensificar a partir de agora. “Até a semana passada o foco era o Dia das Mães. Aqui como trabalhamos exclusivamente com artigos de decoração, sempre temos alguns produtos, mas a partir de agora, vamos enfeitar a loja e descer todo o nosso estoque”, ressaltou.

CRIANÇAS

Para a gerente de loja Paula Santos o mês de junho costuma ser de boas vendas para a loja, que comercializa confecções e artigos para bebês. “Costumo dizer que o período junino, seguindo do carnaval, são o nosso natal, porque nessas épocas as vendas costumam ser muito boas para nós”, afirma.

Leia também:

A roupas juninas levam colorido às ruas da cidade. Foto: Ricardo Amanajás 

A loja já está com exposição de vestidos e acessórios juninos para crianças, jovens e adultos desde o início de maio. “As vendas devem melhorar a partir de agora, mas no sábado passado, quando estávamos no ritmo das Mães, já conseguimos vender alguns vestidos juninos”, comemora.

Apesar do início positivo, Paula acredita que as vendas desse ano não devam ser superiores as do ano passado. “Acredito que vamos vender sim, porque sempre conseguimos fazer isso. Mas a tomar como base as vendas do período do carnaval, elas não devem superar as de 2018”, acredita. Entre os artigos juninos que já estão disponíveis no Centro Comercial de Belém, estão vestidos, camisas masculinas quadriculadas, chapéus, enfeites e fogos de artifício.

(Alexandra Cavalcanti/Diário do Pará)



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL