Entretenimento / Cinema

ULTIMATO

Paraenses aguardam com expectativa o desfecho de ‘Vingadores’

Quinta-Feira, 25/04/2019, 00:01:24 - Atualizado em 25/04/2019, 00:01:24 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Paraenses aguardam com expectativa o desfecho de ‘Vingadores’ (Foto: Vagner Santana/Diário do Pará)
Fã do universo Marvel, Marcus Dickson garantiu ingresso de sessão da pré-estreia e vai assim, fazendo cosplay de Nick Fury (Foto: Vagner Santana/Diário do Pará)

O professor universitário Marcus Dickson, 48 anos, é um dos milhares de fãs que aguardam o desfecho de ‘Vingadores’ e garantiu o ingresso com um mês de antecedência - foi um dos que compraram o bilhete para a pré-estreia, na venda que durou poucos minutos.

“Como leitor de quadrinhos, eu naturalmente fui pego de calça curta, pego de maneira muito surpreendente com o mundo cinematográfico, principalmente da Marvel. Em 2008 o estúdio lançou o Homem de Ferro e foi incrível, foi algo realmente sensacional e nesses dez anos a Marvel criou uma esfera absolutamente maravilhosa. Acredito inclusive que ‘Vingadores: Ultimato’ é quase uma carta de amor da Marvel aos fãs”, declarou Dickson.

A relação do professor com o universo dos super-heróis vem desde menino. Leitor de quadrinhos e nerd assumido, ele declara que a relação com esse mundo acabou virando quase uma ideologia, com conceitos que aplica na vida, principalmente no atual cenário social onde, segundo ele, precisamos de exemplos. Para o docente, os quadrinhos, assim como o mundo cinematográfico dos super-heróis, têm na sua base a relação com virtude, bondade, amor ao próximo e respeito, e tudo isso sempre lhe chamou a atenção. Ele acredita que o filme será um momento histórico, semelhante ao ocorrido com o revolucionário “Superman” (1979). “A partir dali se criaram novos formatos, novos gêneros e uma nova narrativa para se pensar heróis no mundo cinematográfico. Os Vingadores da Marvel serão essa nova revolução”, avalia.

Essa paixão pelos universo dos super-heróis vai muito além dos filmes. Desde de 2012, Dickson se envolve com projetos que se relacionam com esse mundo nerd, fazendo palestras, oficinas, bate-papos e além de desenvolver o “Circuito Nerd”, um projeto de extensão na Estácio, faculdade onde leciona. Na sessão de hoje, ele irá caracterizado como Nick Fury, líder da agência secreta S.H.I.E.L.D. O filho Lucas Pinheiro Correa, 17, que herdou a paixão pelos super-heróis, vai junto. “Ele é muito nerd e embarca nas minhas loucuras e eu embarco nas dele. Já fomos duas vezes para a Comic Con Experience, a maior feira nerd da América Latina, e embarca também nessa história de cosplay comigo”, disse.

SEM “SPOILER”

Já o bombeiro civil Everton Willian, 37 anos, não conseguiu garantir o ingresso para a pré-estreia e vai ter de segurar a ansiedade até a próxima sexta. “ Já vazaram algumas cenas na internet, mas eu não quis nem ver porque quero ver na íntegra e não quero pegar ‘spoiler’ nenhum”, falou ele.

Também foi através da paixão pelos quadrinhos que ele se encantou por esse universo. O primeiro gibi foi comprado aos 12 anos, do Homem Aranha. A expectativa para “Ultimato” é grande. O primeiro filme dos Vingadores ele chegou a assistir mais de vinte vezes, tanto que a esposa passou a perguntar porque ele assistia tudo novamente se já sabia até as falas dos personagens. “Não consegui comprar ingresso para a pré-estreia, me deu uma tristeza porque eu queria ir junto com o meu irmão. Mas já avisei para ele não falar nada até sexta e depois a gente conversa”, finalizou.

(Aline Rodrigues/Diário do Pará)

 





Comentários

Destaques no DOL