Notícias / Pará

PROJETO

Leitores elogiam maquete do Theatro da Paz

Segunda-Feira, 04/02/2019, 07:51:04 - Atualizado em 04/02/2019, 07:51:04 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Leitores elogiam maquete do Theatro da Paz (Foto: Irene Almeida)
(Foto: Irene Almeida)

Apesar da exuberância e da importância dos prédios históricos de Belém, esse rico patrimônio cultural ainda precisa ser mais difundido entre a população e preservado pelo poder público. A opinião é dos leitores do DIÁRIO, que tem acompanhado o Projeto Maquetes Belém – 403 anos, que neste domingo trouxe o encarte do Theatro da Paz. De forma didática e divertida, o leitor consegue ir montando as lâminas até formar a estrutura do prédio, que se destaca pela beleza da arquitetura da Belle Époque.

O casal de professores Luciana Galzerano, 30, e Lalo Minto, 40, são de Campinas, São Paulo, e ontem aproveitaram a passagem por Belém para conhecer o teatro. Para eles, retratar o patrimônio da cidade de forma tão acessível é sempre uma boa ideia para quem vem de foras e ajudar os próprios moradores a conhecer e preservar a história da cidade. “O teatro é lindo por natureza e acredito que esse projeto pode chamar a atenção também do poder público para as condições do local e até ver no que pode melhorar”, diz Luciana.

A jovem estudante Inácia Batista, 20, lamenta que muitos belenenses não conheçam o valor histórico do patrimônio da cidade. Segundo ela, o cotidiano muitas vezes impede que muita gente aprecie e valorize as belezas de Belém, tendo os prédios históricos entre os mais suntuosos. “Eles são lindos, de uma beleza diferente pelas minúcias de detalhes que muitas vezes passam despercebidos. Vou aproveitar e colecionar as maquetes”, afirma.

O projeto é também uma boa oportunidade para que crianças e adolescentes, em idade de desenvolvimento da curiosidade, montem as maquetes e conheçam um pouco mais sobre a cidade, na opinião do metalúrgico Jefferson da Cruz, 19. Para ele, o Theatro da Paz é um dos principais cartões-postais de Belém. “Montar as maquetes, observando cada parte do teatro é bastante interessante e enriquecedor do ponto de vista de conhecer e apreciar a arte da cidade”, diz Jefferson. 

O Projeto Maquetes Belém – 403 anos – já publicou as maquetes da Igreja do Carmo, no dia 27 de janeiro e do Theatro da Paz, na edição de ontem do DIÁRIO. O projeto se encerra no próximo dia 10 de fevereiro com o Palácio Lauro Sodré.

(Leidemar Oliveira/Diário do Pará)

 



Conteúdo Relacionado:





Comentários

Destaques no DOL