Notícias / Pará

CASTANHAL

Suspeitos de balear PM morrem em troca de tiros com a polícia

Quarta-Feira, 16/01/2019, 17:07:54 - Atualizado em 16/01/2019, 17:51:11 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Suspeitos de balear PM morrem em troca de tiros com a polícia (Foto: Divulgação/CPR III-5º BPM)
(Foto: Divulgação/CPR III-5º BPM)

Dois suspeitos de envolvimento no baleamento do sargento José Carlos Gomes da Silva no último domingo (13), em Castanhal, nordeste paraense, morreram após troca de tiros com policias militares na terça-feira (15). 

De acordo com informações da Polícia Militar, policiais do 5º Batalhão, da Rocam e policiais civis que atuam em Castanhal realizavam buscas a Paulo Jordan Nunes da Silva, vulgo Jordan, quando o encontraram na rua Ivanildo da Silva, no bairro da Saudade I. O suspeito estava portando uma arma de fabricação caseira e resistiu a voz de prisão dada pelos policiais, atirando contra os agentes. Jordan foi baleado e socorrido à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município, mas faleceu.

A Polícia Militar informou também que antes disso, às 11h30, no bairro do Milagre, militares do Comando de Policiamento Regional 3 (CPR III) e do Grupamento Tático Operacional (GTO) abordaram Bruno da Silva Freitas, vulgo Paulista. O acusado também portava um armamento de fabricação caseira e atirou contra o grupo de policiais. Paulista foi baleado e socorrido à UPA, porém também faleceu.

Segundo as investigações, os dois seriam os responsáveis pelo baleamento do sargento José Carlos Gomes da Silva, ocorrido no último domingo, em Castanhal.

O CASO

O sargento José Carlos Gomes da Silva (47 anos), estava em frente de um comércio popular, no final da manhã do domingo (13), quando foi surpreendido pela ação de dois homens armados, no interior de um veículo Siena branco. Eles atiraram contra o policial e fugiram.

O militar foi levado para a UPA de Castanhal. Ele foi baleado no braço e no tórax (de raspão). Passou por uma cirurgia no braço e encontra-se em sua residência.

(Com informações da PM)





Comentários

Destaques no DOL