Notícias / Pará

SEU BOLSO

Investimentos podem ser alternativa para ganho extra. Saiba como fazer!

Sábado, 22/09/2018, 07:57:55 - Atualizado em 22/09/2018, 07:57:55 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Investimentos podem ser alternativa para ganho extra. Saiba como fazer! (Foto: Fernando Araújo/Diário do Pará)
Com o mercado atualmente instável, o melhor é procurar possibilidades mais conservadoras e sem grandes riscos. (Foto: Fernando Araújo/Diário do Pará)

O investimento financeiro consiste na aplicação de um valor para que ele seja maior do que a inflação e os impostos. Qualquer pessoa pode ser um investidor, independentemente do capital disponível. Há por exemplo, aplicações bancárias a partir de R$ 30. Mas o custo baixo não é o principal atrativo, muitas pessoas buscam por boa remuneração e segurança. Ana Ferrari, educadora financeira, dá algumas sugestões sobre investimentos simples e seguros.

Um bom planejamento deve ser o ponto principal para quem quer começar a investir. “O investidor seria aquela pessoa que já tem um valor, mas vai direcionar para uma renda fixa ou variável. O ponto principal para quem quer investir é ter um objetivo, saber quanto se pode investir e direcionar esforços para isso. Ou seja, é preciso planejamento”.

CAUTELA

 Ana comenta que investimentos são sempre aconselháveis, mas o atual cenário econômico do país pede cautela e indica investimentos mais conservadores.

“Com essa instabilidade o mercado fica um pouco parado, portanto eu indicaria fazer investimentos mais conservadores, por exemplo, os de renda fixa. Existem várias possibilidades e vai de acordo com o perfil de cada um”.

Os bancos e corretoras oferecem diversas possibilidades de investimentos. A especialista indica três tipos que podem ser bem simples e seguros, ideais para quem está pensando pela primeira vez no assunto: os Certificados de Depósitos Bancários (CDB), O Tesouro Direto e as Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e do Agronegócio (LCA).

“Antes de escolher é preciso saber se há taxas, impostos, qual a rentabilidade e os prazos de investimentos. Porque no investimento você não pode ficar tirando e colocando se não acaba perdendo a rentabilidade, que também vai depender do valor investido”, explica Ana. 

INVESTIMENTOS

O CDB é uma das aplicações mais conhecidas pelos investidores brasileiros. Rende mais do que uma poupança. Mas este rendimento pode variar de acordo com o que foi acordado com o banco no momento da contratação.

Diferente da poupança, o CDB exige o pagamento de uma taxa para impostos, variando de acordo com o tempo que ele fica investido. Já a LCI e a LCA também possuem boa rentabilidade, riscos baixos e são ativos tão seguros quanto a poupança. O Tesouro Direto também tem boa rentabilidade, é simples e tem um site autoexplicativo, mas tem impostos e taxas.

Tesouro Direto é uma boa opção para investidores iniciantes

Em comum, CDB, LCI/LCA e Tesouro Direto estão garantidos pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC) que resguarda o investidor, em casos de problemas financeiros com bancos, com um valor de até 250 mil.

“Os três têm boa margem de segurança. Mas uma dica que eu dou para perceber os ganhos é, digamos que você tenha 200 mil e divida entre os três tipos de investimentos, além de diversificar, porque se acontecer qualquer coisa você receberá no mínimo seus valores de volta, você perceberá os bons rendimentos de cada um. Na poupança, apesar das taxas de juros estarem caindo ela é fácil, mas acaba não rentabilizando”, comenta. 

Para quem ainda tem dúvidas e quer começar a investir, dentre as três opções, Ana indica o Tesouro Direto.

“O investimento no tesouro não tem muito segredo, é costume. Poderia indicá-lo pra quem nunca fez e quer começar e por ele ser autoexplicativo e muito simples. Mesmo para quem vai começar com poucos valores e, claro, dependendo do seu objetivo, você consegue perceber as vantagens. Uma é que, depois de analisar seus dados, ele indica o investimento ideal para você e dá para acompanhar tudo pela internet”.

(Josiele Soeiro/Diário do Pará)





Comentários

Destaques no DOL