Notícias / Pará

REVOLTA

Estátua é roubada de monumento em praça em Belém

Sexta-Feira, 10/08/2018, 15:53:45 - Atualizado em 10/08/2018, 19:03:07 Ver comentário(s)

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Estátua é roubada de monumento em praça em Belém (Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)

Uma estátua foi roubada, esta semana, do monumento localizado na Praça dos Escoteiros, localizada na avenida Marechal Hermes, no bairro da Campina, em Belém. 

O publicitário Joaquim Fonseca contou ao DOL que sentiu falta da estátua na última quarta-feira (08). “Trabalho próximo e sempre que passo pela praça eu olhava para a estátua e na noite de quarta-feira, por volta das 22 horas, não foi diferente. Ai senti falta da mesma, então imediatamente comuniquei a alguns amigos do movimento escoteiro”, conta. 

As denúncias do sumiço da estátua do Monumento dos Escoteiros também foram publicadas nas redes sociais, entre elas no Facebook de Leonel Ferreira, que cobrou respostas dos órgãos responsáveis. “Cadê a estátua que estava aqui? Simplesmente sumiu. Belém é uma das poucas cidades no Brasil que tem uma praça em homenagem aos escoteiros. Quem bem me conhece sabe que fui escoteiro durante muitos anos da minha vida. Mais de 30 anos. Minha atuação como artista e educador se deve a grande contribuição do movimento escoteiro em minha formação. Me deixa extremamente indignado o descaso com o patrimônio público de nossa cidade. A comunidade escoteira do Brasil exige e merece uma resposta. A onde está a estátua de Caio Viana Martins? Alô polícia civil, ministério público, IPHAN, cadê vocês?”, escreveu na postagem onde aparece o monumento sem a estátua do escoteiro.

“Isso é um desrespeito”, “Infelizmente a realidade da nossa cidade nos assusta”, “Temos que cobrar com celeridade uma posição satisfatória da Prefeitura de Belém”, comentaram os internautas.

A Prefeitura de Belém informou, através de nota, que a Guarda Municipal de Belém já solicitou as gravações das câmeras de segurança instaladas em estabelecimentos próximos da ocorrência para tentar chegar ao suspeito de tirar a estátua do lugar. A Guarda reforça que a população pode denunciar atos de vandalismo e furto através do telefone 153 a qualquer hora do dia.

(DOL)





Comentários

Destaques no DOL