Notícias / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Edital para obras em orla de Mosqueiro é publicado

Terça-Feira, 16/05/2017, 17:15:13 - Atualizado em 16/05/2017, 18:15:39 Ver comentário(s) A- A+

Edital para obras em orla de Mosqueiro é publicado (Foto: Paula Lourinho)
(Foto: Paula Lourinho)

Foi publicado nesta terça-feira (16), pela Prefeitura de Belém, um edital com processo de licitação para empresas interessadas em executar as obras de reconstrução da orla da Ilha de Mosqueiro. O processo foi possibilitado após a liberação de R$ 27 milhões do Ministério da Integração Nacional, pelo ministro Helder Barbalho, no dia último dia 17 de março.

O certame foi publicado na modalidade Regime Diferenciado de Contratações (RDC) por meio da Secretaria Municipal de Coordenação Geral de Planejamento e Gestão (Segep), da Prefeitura de Belém.

O objeto da licitação é a “contratação integrada de empresa ou consórcio de empresas para prestação de serviços técnicos especializados de engenharia para elaboração dos projetos básicos e executivos e execução das obras de recuperação da Orla de Mosqueiro”.

O edital está disponível no site da Prefeitura de Belém, no site Compras Governamentais, do Governo Federal, e pode ser acessado pessoalmente na sede da Segep (avenida José Malcher, nº 2110, São Brás), no 1º andar, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 17h.

As propostas serão entregues e abertas no próximo dia 06 de junho, das 9h às 10h, no Auditório da Segep

RECONSTRUÇÃO

Na ocasião do anúncio da liberação da verba para a licitação, o ministro Helder Barbalho  se disse honrado em contribuir para a revitalização de uma área tão querida pela população. “É uma demonstração clara de que as relações institucionais falam mais alto, a ponto de o Governo Federal sequer exigir contrapartida da Prefeitura para liberar os valores”, avaliou Helder.

Quem também esteve presente no anúncio foi o senador Jader Barbalho, que se disse feliz em testemunhar um ato que demonstra a preocupação de Helder em ajudar o Estado, a Prefeitura e os municípios. “Independente de quem esteja ocupando a administração. Nossos cargos são eventuais. O interesse da opinião pública é permanente”, reforçou.

Basicamente, os valores bancarão a construção de muros de contenção para amenizar os efeitos da erosão, revitalização de acesso de pedestres e de vias públicas em dez praias: Ariramba, Areião, Marahu, Baía do Sol, Murubira, Paraíso, Grande, Porto Arthur, do Bispo e Chapéu Virado.

(DOL)



Comentários